Proximo alvo da Lava Jato, Schaim Engenharia construiu hospitais e conjuntos habitacionais para o governo de Pernambuco

Lava-Jato

Segundo o site Brasil 247, a delação premiada de Pedro Barusco, ex-gerente executivo da Diretoria de Serviços da Petrobras, que inclui ainda a devolução de nada menos que US$ 100 milhões ou o equivalente a R$ 252 milhões, em propinas, por desvios ocorridos em contratos com a Petrobras, deve trazer à luz mais um empreiteiro com negócios bilionários e nada republicanos com o setor público. Trata-se de Salim Schahin, dono da Schahin Engenharia, que fechou contratos de mais de R$ 12 bilhões com a Petrobras nos últimos anos. Um dos sócios da Schahin, Carlos Eduardo Schahin já teve contas bancárias internacionais identificadas em dezenas de países, da Suíça aos Emirados Árabes, cujos depósitos somam mais de US$ 400 milhões.
A empreiteira dos Schahin é velha conhecida do governo de Pernambuco para quem construiu os hospitais Pelópidas da Silveira, no Recife, Dom Helder Câmara, no Cabo de Santo Agostinho e Miguel Arraes, em Paulista. Além de megaobras de urbanização e habitacionais em Olinda:






MAIS VISITADAS DO MÊS

Aliado de Arthur Lira, do Centrão, Marinaldo Rosendo é alvo de Operação da PF por desvios de recursos do SUS durante sua primeira gestão na Prefeitura de Timbaúba

Após dia de polêmica, Marília Arraes solta nota rebatendo acusações de traição, golpismo e aliança com a direita que lhe foram imputadas por colegas do PT

Lideranças e ex-presidentes defendem reeleição do Bruno Baptista à presidência da OAB/PE

Diretoria Antimáfia Italiana e Polícia Federal em Pernambuco prendem Italiano apontado como líder de rede de traficantes internacionais de drogas. O estrangeiro morava em Aldeia, na cidade pernambucana de Camaragibe

Priscila Krause afirma que João Campos manteve equipe administrativa da Secretaria de Saúde, alvo de sete operações da PF: “de fato ele confia na equipe”