MANDATO DE NOELIA BRITO TERÁ CENTRAL DE DENÚNCIAS PARA CIDADÃOS E SERVIDORES CONTRA IRREGULARIDADES E PERSEGUIÇÕES

CENTRAL DE DENÚNCIAS


Dentre as propostas destacadas pela candidata a vereadora, Noelia Brito, do PMN, está a criação de uma Central de Denúncias, onde servidores e cidadãos, em geral, poderão levar ao conhecimento dO mandato, todo tipo de irregularidades, desmandos, perseguições e má gestão que estejam sendo praticados no âmbito da Administração Pública Municipal e seus diversos órgãos.

A iniciativa nada mais é que a ampliação de um serviço que a candidata já presta como cidadã e que pretende tornar muito mais efetivo pela força de um mandato popular.

Noelia Brito alega que o vereador, sendo representante do povo, não tem nenhum tipo de subordinação ao Chefe do Poder Executivo, devendo, portanto, fiscalizá-lo e exigir o cumprimento de seus deveres como gestor e escravo das normas constitucionais.

Recebidas as denúncias pelo gabinete da vereadora, essas serão alvo de investigação preliminar, com pedidos de informações aos órgãos e autoridades denunciadas, para posteriores representações aos órgãos de controle, tais como Ministério Público, Tribunais de Contas e delegacias de combate aos crimes contra a Administração Pública.

Para conhecer as demais propostas para o mandato #JuntosNósPodemos de Noelia Brito, acesse seu site de campanha no endereço https://www.vamosapoiar.com.br/noeliabrito33190/

MAIS VISITADAS DO MÊS

Justiça recebe denúncia contra tenente coronel da PMPE acusado de assediar sexualmente 4 subordinadas policiais militares

Indústria de multas de Geraldo Júlio arrecadou R$ 230 milhões em apenas 4 anos enquanto gastos com educação no trânsito não chegam a R$ 550 mil

Roberto Viana e o Game of Thrones de Pernambuco

Antônio Campos cumpriu o que disse à Época e depôs hoje, no MPF, como testemunha em inquérito sigiloso envolvendo caciques do PSB. Vejam a nota

Monitoramento e "grampos" contra Coronel Meira e Antonio Campos teriam sido ordenados ao DRACO pelo Palácio, segundo informe da Inteligência da PM ao Coronel. Leia denúncia à PF