CRISE? QUE CRISE? PAULO CÂMARA COMPRA MAIS DE R$ 4 MILHÕES EM ASSINATURAS DO DIÁRIO DE PERNAMBUCO

RETROSPECTIVA 2016 - 4º LUGAR ENTRE AS MATÉRIAS MAIS ACESSADAS DE 2016

Dispensa legenda (Foto: Blog do João Alberto)

O Diário Oficial de ontem, 15, trouxe, em sua página 35, a notícia que nenhum outro jornal de Pernambuco teria a ousadia de noticiar: o governador Paulo Câmara, do PSB, por intermédio da Secretaria de Administração do Estado acaba de injetar nada menos que R$ 4.218.587,00 (quatro milhões, duzentos e dezoito mil e quinhentos e oitenta e sete reais para custear 8.350 assinaturas do Diário de Pernambuco que seriam destinadas aos professores da rede pública estadual.

O Diário de Pernambuco pertence aos irmãos Rands, ligados ao Partido do governador. Maurício Rands, além de ter sido secretário de governo de Eduardo Campos e de ser filiado ao PSB, trabalhou na empresa Petra, do empresário Roberto Viana, que é tio da primeira dama (Roberto Viana é casado com Malu irmã de Vanja Campos, mãe de Ana Luiza Câmara, esposa de Paulo Câmara).


O Diário de Pernambuco tem se caracterizado por suas posições amplamente favoráveis ao PSB e ao governador Paulo Câmara e ao prefeito Geraldo Júlio, também do mesmo partido, de modo que para os professores é bem mais vantajoso se informarem diretamente pelo Diário Oficial, afinal, como certa feita ensinou Hélio Fernandes, irmão de Millor e um dos mais polêmicos jornalistas brasileiros, "jornalismo independente se faz lendo o Diário Oficial". Taí a prova.


MAIS VISITADAS DO MÊS

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Durante julgamentos de interesse da gestão Geraldo Julio, um dos quais envolvendo a Casa de Farinha, Conselheiros do TCE/PE perdem a calma, gritam e interrompem Procuradora que combate a corrupção no Governo de Pernambuco e na Prefeitura do Recife

Exclusivo: TJPE determina afastamento do Prefeito de Paulista, Junior Matuto, a pedido do Dracco, por desvios de R$ 21 milhões em PPP do lixo com a empresa Locar

"Grampos" da Operação Locador, do DRACCO, mostram temor de investigados de que chefões da gestão Matuto lhes fizessem "mal" e espanto com pagamentos em dinheiro vivo feitos pelo prefeito na compra de terrenos

É tetra! Prefeitura do Recife recebe a quarta "visita" da Polícia por fraudes na pandemia, desta vez foi a DECOT. A prefeitura nega envolvimento