NÃO É RENAN! PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÕES DE CABOS E SOLDADOS É PRESO DURANTE ASSEMBLEIA DA CATEGORIA


O Blog teve acesso ao que seria o pedido de Prisão Preventiva dos Cabos da PM Albérisson e Nadelson, líderes do movimento por melhores condições de trabalho e salariais da PM de Pernambuco protocolado perante a Justiça Militar do Estado.

No pedido, alega-se que ambos teriam feito críticas públicas ao Comandante Geral da PM e ao Secretário de Defesa Social.

Como não obteve a ordem de prisão pela via judicial, uma vez que a promotora plantonista, em seu parecer, afirmou não se tratar de matéria de plantão, o Comando da PM mandou prender os policiais "na marra", alegando uma suposta infração administrativa, tão logo este começou a discursar, em cima de um carro elétrico. O processo se encontra na Central de Inquéritos do MPPE, aguardando parecer do órgão, desta feita enviado pela Justiça Militar.

Ontem o desembargado José Fernandes já havia dado uma liminar, a pedido do governador Paulo Câmara, proibindo a realização da Assembleia (Leia AQUI).

Fontes ligadas à área de Segurança Pública, ouvidas pelo Blog, avaliam que a forma com que o governo Paulo Câmara está lidando com a tropa é catastrófica e trará um caos ainda maior à Segurança no Estado. 

MAIS VISITADAS DO MÊS

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Radar: João Campos recebe mais de R$ 5,2 milhões do Fundo Eleitoral do PSB e é recordista nacional de doações

Pesquisa: Marília Arraes e Delegada Patrícia despontam empatadas na liderança da disputa para a PCR e podem protagonizar disputa inédita no Recife