Paulo Câmara e Geraldo Julio pediram dinheiro pessoalmente a Joesley da JBS, revela delação.



O dono da JBS, Joesley Batista, contou em sua delação premida que o prefeito do Recife, Geraldo Júlio e o atual governador de Pernambuco, Paulo Câmara, usaram o nome de Eduardo Campos, depois de morto, para lhe pedir dinheiro. O pedido, segundo Joesley, foi feito pessoalmente, pelos dois pessebistas que disseram que Joesley deveria homenagear Campos ajudando a eleger Paulo câmara Governador. A delação contra os dois principais nomes do PSB de Pernambuco consta do Anexo 36. A pessoa indicada pro PSB para receber o dinheiro via caixa dois para Paulo Câmara no valor de R$ 1 milhão foi André Gustavo Vieira da Silva. Também foram pagos dois milhões a Fernando Bezerra Coelho pelo caixa dois por intermédio de André Gustavo.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos