PREFEITURA DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE TINHA CONTRATOS MILIONÁRIOS COM EMPRESA DA "MÁFIA DA MERENDA" QUE FORNECEU CARNE PODRE, DENUNCIA VEREADOR



O Vereador Eduardo Maia (PT) de Santa Cruz do Capibaribe acaba de denunciar, em sua conta no Facebook, que a gestão do prefeito Edson Vieira (PSDB), pagou R$ 2.490.605,78 à empresa WRJ Comercial Ltda. ME, para que essa empresa fornecesse gêneros alimentícios para escolas e hospitais daquele Município.




A empresa WRJ Comercial LTDA. ME é apontada como uma das líderes da Máfia da Merenda que está sendo desbaratada pela Operação Comunheiro, da Polícia Civil de Pernambuco e que teve seus sócios presos na semana passada por fraudes em licitações, lavagem de dinheiro e por fornecer carne podre para escolas e hospitais (Leia AQUI e AQUI).

Em 2014, o vereador Ernesto Maia já havia denunciado contratos da mesma prefeitura com a empresa Casa de Farinha, do filho do então presidente da CEASA, que fora flagrado em grampos da Polícia Federal em esquemas para fraudar licitações em vários órgãos e prefeituras do Estado (Assista AQUI

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos