SILVIO COSTA NEGA ALIANÇA DE ARMANDO COM FBC E BRADA: "O PT VAI COM ARMANDO"!

"O PT VAI COM ARMANDO!", bradou Sílvio Costa ao telefone.


O deputado Sílvio Costa, do PTB, em contato telefônico com o Blog, contesta a informação (Leia AQUI) de que o senador Armando Monteiro firmará aliança com o senador Fernando Bezerra Coelho, visando as eleições de 2018. Segundo o deputado, que parecia bastante alterado e que afirmou estar com o senador Armando Monteiro ao seu lado, no momento do contato, “a possibilidade de Armando compor com FBC é zero”.  Sílvio Costa afirmou, ainda, que a visita foi apenas uma “cortesia” de Armando Monteiro e seu grupo ao prefeito de Petrolina, Miguel Coelho e que outros líderes da região haviam sido visitados, a exemplo do ex-prefeito Júlio Lossio, do PMDB e do deputado estadual petista Odacy Amorim.



O deputado desmentiu ainda a informação de que na conversa com o prefeito de Petrolina, que é filho de Fernando Bezerra Coelho, tenha sido tratada a liberação de R$ 3 milhões em emendas para aquele Município. Segundo o próprio prefeito de Petrolina, em postagem feita em sua página em uma Rede Social, os três milhões em emendas parlamentares teriam sido prometidos por Armando Monteiro para incrementar o turismo no Município. Quem estará falando a verdade, o prefeito que chegou a comemorar publicamente a promessa de recursos ou o deputado Sílvio Costa, que também mandou esta blogueira esquecer qualquer possibilidade de que o PT venha a ter a vereadora Marília Arraes como sua candidata, pois, segundo o deputado Sílvio Costa, o PT apoiará a candidatura de Armando Monteiro, sendo irrelevante que o senador tenha votado a favor das medidas de Michel Temer contra os trabalhadores, pois, ainda segundo Sílvio Costa, "as relações de Armando Monteiro com as principais lideranças do PT de Pernambuco são pessoais, assim como pessoal é sua relação com o ex-presidente Lula e a ex-presidente Dilma, de quem Armando seria um aliado desde 2006". “O PT vai apoiar Armando, pode anotar”, chegou a vaticinar Sílvio Costa.

O deputado Sílvio Costa tem procurado lideranças do Partido dos Trabalhadores pedindo filiação, para ser o candidato ao senado pelo PT,  passando seu filho Silvinho Costa é deputado estadual, para a disputa de uma vaga na Câmara Federal, numa chapa encabeçada por Armando Monteiro. Assim, o grupo de Armando Monteiro ficaria, como sempre, com tudo, entretanto, em episódio recente, o deputado, que é vice-líder da oposição na Câmara, fez pesadas críticas à senadora Gleisi Hoffmann que é a atual presidente nacional do PT, chamando seus protestos contra a Reforma Trabalhista de irresponsáveis.


Ao apoiar a candidatura de Armando Monteiro em 2014, o PT deixou de eleger pelo menos dois deputados federais que teriam conquistado mandatos se o Partido tivesse lançado candidatura própria. Ainda que o deputado Sílvio Costa e seu grupo vetem abertamente a candidatura da vereadora Marília Arraes ao governo, dado seu forte potencial eleitoral – em recentes pesquisas, Marília chegou a pontuar entre 6% e 9%, situação superior à do próprio Eduardo Campos quando se elegeu governador pela primeira vez -, parece-nos que não serão amizades que pautarão as escolhas do Partido para 2018, mas o pragmatismo que tem sido sua característica. A conta é simples: com Armando, o PT não elege sequer deputados federais, sem Armando e com Marília Arraes apoiada por Lula, além de deputados federais e estaduais, o PT pode conseguir algo inédito para o Partido: o governo de Pernambuco.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos