PERNAMBUCO, TERRA DAS OPORTUNIDADES: COM APENAS DOIS MESES DE EXISTÊNCIA EMPRESA DE PAUDALHO GANHA R$ 6,7 MILHÕES EM CONTRATOS PARA FORNECER MERENDA PARA PREFEITURAS PERNAMBUCANAS



Dando prosseguimento à nossa série sobre as empresas fornecedoras de Merenda Escolar, em Pernambuco, nosso Blog hoje conta a história da empresa JV DE ABREU DISTRIBUIDORA DE ALIMENTOS EIRELI - ME - CNPJ 26.803.462/0001-30, do empresário José Valter de Abreu e que tem o nome de fantasia UNIFORTE ALIMENTOS.

A empresa, que já está sendo considerada um verdadeiro fenômeno empresarial, em meio a crise por que passa o país, funciona no Box 22, do número 50, da Rua 3, no Bairro Bela Vista, da cidade de Paudalho e apesar de ter sido aberta recentemente, mais precisamente no dia 05/01/2017, com apenas dois meses de existência já era contratada sem licitação pela prefeitura de Caruaru, por quase dois milhões de reais. Tendo como atividade principal o comércio varejista de alimentos e como secundária o aluguel de máquinas, palcos e estruturas para eventos, peças e acessórios para veículos e pneus, além de produtos eletrônicos, artigos de cama, mesa e banho, equipamentos de informática, papelaria, produtos de higiene, material de construção, dentre outros, a empresa já detém contratos da ordem de R$ 6,7 milhões com quatro prefeituras do Estado de Pernambuco.






























Os recursos utilizados para o contrato de R$ 1,7 milhão da Prefeitura de Caruaru, para a merenda escolar, com a JV de Abreu, advém do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE são, portanto, federais.

Mas a ideia de dar oportunidade a novos empreendedores, que na Prefeitura de Caruaru é atribuída, por nossas fontes, sob a condição de anonimato, ao Secretário de Governo Rubens Junior, já alcançaria, segundo o Portal "Tome Conta" do TCE, o montante de R$ 2.777.057,67, referente à totalização de sete dispensas de licitação feitas para contratar a recém criada empresa de Paudalho, que apesar da tenra idade, dificilmente perde uma licitação das que participa.

Em Paudalho, por exemplo, ganhou quatro contratos que totalizam juntos R$ 1.930.184.38.

Já em Surubim, em uma única licitação, a JV de Abreu conquistou um contrato para fornecimento de merenda no valor de R$ 1.644.250,00.


Em Abreu e Lima o contrato ganho pela JV de Abreu foi de R$ 382.660,00.


Segundo nossas fontes, a ascensão meteórica do dono da JV de Abreu costuma ser comparada a do prefeito de Paulista, Junior Matuto, pois ambos eram motoristas antes de se ascenderem em suas respectivas carreiras.


No caso do empresário José Valter de Abreu, até bem pouco tempo, este era motorista da empresa NUTRIFORTE que de acordo com o site TOME CONTA do TCE, fornece gêneros alimentícios para as Prefeituras do Cabo de Santo Agostinho, de Caruaru, de Sirinhaem, para Fernando de Noronha, São Lourenço da Mara, São Bento do Una, Chã da Alegria, Salgueiro, Jaboatão dos Guararapes, Cabrobó, Bom Conselho, Vitória de Santo Antão, Camaragibe e para a Secretaria de Administração de Pernambuco.


Não percam nossas próximas postagens sobre a promissora carreira de dono de empresa de merenda escolar em Pernambuco. 

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos