DESDE AGOSTO, SIMPERE PEDIU AO MPPE INVESTIGAÇÃO DOS CONTRATOS COM EMPRESAS FORNECEDORAS DA MERENDA SERVIDA PELA PREFEITURA DO RECIFE. SUSPEITA É DE FRAUDE E DE FORNECIMENTO DE CARNE ESTRAGADA



O SIMPERE, Sindicato do Servidores em Educação da Prefeitura do Recife, requereu, desde o dia 1º de agosto deste ano, à Promotoria de Defesa da Educação, a instauração de Inquérito Civil para investigar os contratos da Merenda Escolar servida aos alunos da Rede Municipal de Ensino da Prefeitura do Recife, já que entre as contratadas figuram empresas investigadas por participação no esquema de fraudes em licitações da chamada "Máfia da Merenda", que foi alvo da Operação Comunheiro II que chegou a constatar o fornecimento de carne podre (vencida) a escolas da Rede Pública. Fontes do Blog revelaram que já seriam do conhecimento da Polícia que a carne vencida teria sido distribuída a escolas do Recife, fato que teria sido revelado pelos membros da organização criminosa fraudadora em conversas pelo WhatsAPP.

Leiam a nota publicada pelo SIMPERE em sua Página no Facebook e a representação ao MPPE:

"Dentre as empresas que sofreram denúncias por fornecimento de merenda podre sob valores milionários a outros municípios, algumas também prestam serviço à Prefeitura do Recife. Diante desta situação o SIMPERE protocolou ofício no último dia 01 de Agosto, solicitando do MPPE que seja feita investigação das mesmas empresas referentes a prestação de serviços na capital pernambucana. Diante das gravíssimas denúncias solicitamos abertura de 'INQUERITO CIVIL para apurar a situação de possível fraude em licitação para aquisição de merenda escolar e a data de validade das merendas adquiridas, com a possibilidade de suspensão dos contratos com as empresas suspeitas até a conclusão das investigações policiais, buscando-se alternativas para manutenção do envio de merenda para as unidades educacionais do Município'.

O SIMPERE também ocupa cadeira no Conselho Municipal de Merenda, e tal ofício será encaminhado para o mesmo. Precisa-se primar pela saúde da comunidade escolar, e as crianças não podem estar vulneráveis a possíveis situações, uma vez comprovadas em outros municípios."



MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos