PRESIDENTE DO PT RECIFE QUE ATACA MARÍLIA ARRAES DEU "MEDALHA DE HONRA" A "HOMEM FORTE DO PSB", ALVO DE VÁRIAS OPERAÇÕES DA PF E QUE TENTA INTIMIDAR EDITORA DO BLOG COM AÇÕES NA JUSTIÇA


O ex-vereador Osmar Ricardo, hoje presidente do PT Recife, que tem feito ataques verborrágicos contra a pré-candidata de seu próprio Partido, a vereadora do PT mais bem votada nas últimas eleições, Marília Arraes, cuja pré-candidatura já conta com o apoio de pelo menos 80 Diretórios Municipais do PT e de vários diretorianos do PT Recife, inclusive de sua vice-presidente, do secretário geral e de outros dois secretários, acusando-a de nutrir diferenças pessoais com o PSB, esquece de mencionar que, ele mesmo, nutriria relação inversa, de amizade pessoal com a alta cúpula do PSB, razões que seriam a motivação pela qual estaria fazendo a defesa tão apaixonada do Partido do governador Paulo Câmara e do prefeito Geraldo Júlio, em detrimento dos interesses do Partido presidido por ele, Osmar Ricardo.

Para citar apenas um exemplo das amizades pessoais de Osmar Ricardo com a alta cúpula do PSB, basta lembrar que foi de Osmar Ricardo a iniciativa para conceder a maior honraria que a Câmara Municipal do Recife pode conceder a alguém, que é a Medalha de Honra ao Mérito José Mariano, àquele que a Polícia Federal chamou de "o homem forte do PSB", o empresário e ex-presidente da CEASA, Romero Fittipaldi Pontual.

Romero Pontual, como é mais conhecido "o homem forte do PSB", é empresário do ramo da Merenda Escolar e até bem pouco tempo integrava, como sócio, a empresa Casa de Farinha, hoje comandada por seu filho, Romerinho. A Casa de Farinha tem contratos milionários para fornecer a merenda escolar para vários municípios do Estado de Pernambuco, inclusive para a Prefeitura do Recife, contrato, aliás, que foi conquistado com a chegada de Geraldo Júlio, do PSB, à Prefeitura (Leia matéria do Jornal do Commercio sobre os contratos milionários da CEASA e da Casa de Farinha com órgãos públicos em Ceasa e Casa de Farinha têm contratos milionários com o Estado).

A Casa de Farinha também é grande fornecedora de gêneros alimentícios para o Sistema Prisional do Estado de Pernambuco, por intermédio da Secretaria Executiva de Ressocialização.

Matéria publicada no Portal da Câmara dos Vereadores e que pode ser acessada AQUI revela que em 2012, quando já deflagrada a "Operação Zelador" da Polícia Federal, e que apontava o então presidente da CEASA como o "homem forte do PSB" com grande influência dentro do governo Eduardo Campos, o então vereador do Recife, pelo PT, Osmar Ricardo, entregou a "maior comenda do legislativo municipal, a Medalha do Mérito José Mariano ao agropecuarista e presidente do Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco – Ceasa/PE, Romero Pontual". Naquela ocasião, "o vereador Osmar Ricardo (PT) ressaltou as atividades desenvolvidas pelo agraciado para o desenvolvimento do Estado."

Osmar Ricardo, na oportunidade, rasgou elogios ao "homem forte do PSB", ressaltando "seu espírito público". Leiam: “Empresário do meio rural e com larga experiência como executivo de grandes empresas, homem de espírito público, se afastou da carreira privada para se dedicar às atividades da Ceasa, dando grande contribuição ao Estado e ao povo do Recife”.

Sobre o "espirito público" do "homem forte do PSB", vejamos o que a Polícia Federal apontou em seus Relatórios, lançados nas chamadas Operações "Farda Nova" e "Zelador":

"Quanto a ROMERO PONTUAL, ressalte-se que o mesmo é homem forte do PSB e exerce função de presidente da CEASA. ROMERO possui muitas conexões com pessoas das mais diversas camadas sociais. Transitando nas altas rodas do poder governamental estadual e federal bem como no meio empresarial. Por conta disto, costuma intermediar negociações entre governo e empresários. Tem um negócio de fornecimento de alimentação com o filho ROMERINHO, e o sobrinho, GUILHERME (GUEGO). Nos áudios pode-se perceber que ROMERO dificilmente fala qualquer coisa mais relevante pelo telefone, e, quando fala, é devido à insistência do interlocutor. Recentemente ROMERO assumiu o fornecimento de alimentos para a Secretaria de Educação da Prefeitura de Cabo de Santo Agostinho, em negociação suspeita, que pode configurar-se em fraude no processo licitatório, conforme demonstra a seguinte transcrição:"






Já em interceptações telefônicas feitas pela Polícia Federal no âmbito da "Operação Farda Nova", a PF constatou a influência do "homem forte do PSB", junto ao governo de Pernambuco, por intermédio do então chefe de gabinete da Secretaria de Educação e atual Chefe da Casa Civil do Governador Paulo Câmara, o deputado Estadual Nilton Mota: "O principal contato de ROMERO nesta na Secretaria de Educação é Nilton Mota (Niltinho, telefone 81.96850080), Chefe de Gabinete da SEDUC, com quem parece ter muita amizade. NILTINHO, inclusive, será objeto de análise mais à frente, por outros motivos. Na SEDUC, ROMERO também tinha contato com o Secretário DANILO CABRAL. Na Secretaria de Administração, ROMERO tem contato direto com o Secretário PAULO CÂMARA. Na PGE, ROMERO conversa diretamente com o Procurador-Geral TADEU ALENCAR (FRANCISCO TADEU BARBOSA ALENCAR, cel. 81.9605-3939), com JAQUELINE e com a Procuradora TACIANA XAVIER (cel. 9974-6692, é filha de desembargador aposentado do TJPE. Possivelmente é esposa de ALUIZIO MALUF, engenheiro, que trabalha para ROMERO (LEIA TAMBÉM MENSALÃO PERNAMBUCANO: ROMERO PONTUAL É O HOMEM FORTE DO PSB, CONCLUI POLICIA FEDERAL):



Recentemente, o "homem forte do PSB" voltou a ser alvo da Polícia Federal, desta feita no âmbito da "Operação Torrentes", que desbaratou uma organização criminosa formada por Coronéis da Casa Militar do Governo Paulo Câmara e de empresários que por meio de fraudes em licitações e contratos superfaturados teriam desviado milhões em recursos públicos destinados às vítimas das enchentes (Leia em PE: Operação da PF prende tenentes, coronéis e empresários). Na "Operação Torrentes", que investiga mais de R$ 600 milhões em contratos, as denúncias estão sendo apresentadas separadamente, por contratos e até o momento, Romero Pontual que foi conduzido coercitivamente em razão de um contrato que teria sido firmado pela CEASA, durante sua gestão, com a Casa Militar, não foi denunciado.

Aliás, com relação ao Inquérito 433/2007, da Polícia Federal, que deu origem às Operações "Zelador" e "Farda Nova", a editora deste Blog ingressou com pedido de informações junto ao Ministério Público de Pernambuco questionando-o nos seguintes termos: "Tendo em vista notícias veiculadas na mídia de que o advogado Antônio Campos e sua genitora, a Ministra do TCU estariam sendo vitimas de "arapongagem" por parte do empresário Romero Fittipaldi Pontual que, por seu turno, foi flagrado em grampos da Polícia Federal cometendo crimes contra a Administração Pública juntamente com "caciques" do Partido Socialista Brasileiro no Inquérito nº 433/2007, cujas peças de competência da Justiça Estadual foram, segundo nota já enviada para o e-mail dessa Ouvidoria, emitida pelo Ministério Público Federal, em seu site (​http://www.prpe.mpf.mp.br/internet/index.php/internet/Ascom/Noticias/2014/MPF-esclarece-sobre-apuracoes-relativas-as-Operacoes-Zelador-e-Farda-Nova), foram remetidas a esse órgão ministerial, desde 2013, solicito, com base da Lei de Acesso à Informação - Lei, que seja esclarecido se, a exemplo do Ministério Público Federal contra os demais investigados no mesmo inquérito e ao que se deu contra vereadores de Jaboatão dos Guararapes, já foi apresentada Denúncia contra o empresário e filiado ao PSB, Romero Fittipaldi Pontual e demais "caciques" de seu Partido. Acaso tal providência ainda não tenha sido ultimada, solicito informar o nome ou nomes dos representantes do Parquet responsáveis pela apresentação ou não da Denúncia e as razões para tal proceder, de modo a possibilitar, se for o caso, representação ao CNMP, já que o empresário tem se jactado pela cidade de que estaria "para se livrar" desse inquérito, sendo imperioso averiguar-se em que se louva para vangloriar-se dessa certeza, haja vista que não se concebe que uma investigação contra alguém com tais elementos probatórios contra si, arraste-se há dez anos, sem denúncia, rumo a provável prescrição da pretensão punitiva estatal. Seguem as matérias que tratam do caso para demonstrar a repercussão, inclusive nacional, do caso."
 



Como resposta, nossa Editora recebeu do Gabinete do Procurador Geral apenas a evasiva  informação de que o inquérito de fato fora recebido desde 2013 e que inclusive estava registrado no Sistema Arquimedes sob o número 2013/1074083, e que de acordo com os registros internos daquele órgão estaria na Promotoria de Justiça de Jaboatão dos Guararapes.



Estranhamente, depois de questionar o Ministério Público sobre a demora em denunciar o empresário Romero Pontual e demais "caciques" do PSB, a editora deste Blog passou aa ser alvo de verdadeiro "assédio judicial" por parte de "fornecedores" do governo de Pernambuco e de seus aliados, como forma evidente de intimidação.

Aliás, a tática intimidatória urdida pelos investigados em Operações da Polícia Federal contra a editora deste Blog, de calá-la por meio de ações judiciais foi inclusive flagrada pela própria Polícia Federal em interceptações telefônicas e em depoimentos de investigados, todos ligados ao governador Paulo Câmara (Leia em CORONÉIS INDICIADOS POR CORRUPÇÃO NA OPERAÇÃO TORRENTES TRAMARAM AÇÕES PARA INTIMIDAR NOELIA BRITO.), que, segundo fontes já fizeram chegar ao conhecimento de nossa Editora, seria o verdadeiro mentor da perseguição. Paulo Câmara, que é um perseguidor doentio, já processou o Cientista Político Michel Zaidan e o presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco, Áureo Cisneiros, para tentar intimidá-los, aliás, a editora deste Blog é, inclusive, testemunha na Exceção da Verdade ajuizada contra a Queixa-Crime movida por Paulo Câmara contra o presidente do Sinpol, que versa sobre a licitação da Arena Pernambuco, que, por sua vez, é alvo de outro inquérito da Polícia Federal, que tramita em segredo de Justiça no STF e que tem o governador Paulo Câmara, juntamente com o prefeito do Recife Geraldo Júlio e o deputado Tadeu Alencar e o senador Fernando Bezerra Coelho como indiciados.

Diante de tais fatos, para a Vereadora e pré-candidata ao governo de Pernambuco, Marília Arraes, ser alvo de críticas e ataques por parte do ex-vereador Osmar Ricardo que além de ser amigo pessoal do "homem forte do PSB", Romero Pontual, o considera homem de elevado espírito público a ponto de lhe conferir a maior honraria que o povo do Recife pode conceder a alguém, deve ser motivo de orgulho. Ser elogiada por ele é que seria uma verdadeira ofensa.









MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos