Moro decreta a prisão de Lula depois da manobra de Carmen Lúcia para que só ele fosse preso



Menos de 24 horas se passaram da manobra comandada por Carmen Lúcia para que o Habeas Corpus impetrado pela defesa do ex-presidente Lula fosse julgado antes do julgamento das duas ações que discutem a constitucionalidade da antecipação do cumprimento da pena tão logo seja confirmada a condenação penal no segundo grau de jurisdição e o juiz federal Sergio Moro já decretou a prisão de Lula (leia a decisão na íntegra AQUI).

Pela decisão, Moro levou em consideração a dignidade do cargo que foi exercido por Lula, um ex-presidente da República e concedeu prazo até amanhã às 17 hs, para que o ex-presidente se apresente voluntariamente para dar início ao cumprimento da pena, antes que seja expedido o mandado de prisão, sendo vedado o uso de algemas em qualquer hipótese.

Além disso, Moro determinou que o início do cumprimento da pena se desse em uma sala especialmente preparada na sede da Polícia Federal em Curitiba, com status de Estado Maior, para preservar a integridade física do ex-presidente.

A rapidez com que a prisão foi decretada antes mesmo do julgamento dos embargos de declaração interpostos pela defesa de Lula contra o Acórdão nos embargos anteriormente interpostos e rejeitados é de chamar a atenção. 

Ao que tudo indica, Lula é tão "perigoso" que sequer seus algozes podem esperar mais trinta dias pelo julgamento dos embargos. Sequer o esgotamento da segunda instância recursal pode ser aguardada.

É de causar espécie tanta pressa em prender Lula e pressa nenhuma em pautar o julgamento das duas ações que questionam a constitucionalidade das antecipações dos cumprimentos das penas, tão logo confirmada a condenação em segundo grau, muito embora essas ações estejam liberadas pelo relator Marco Aurélio, para julgamento. 

O Brasil 247, aliás, destacou postagem do pós-doutor em Direito e professor da FGV, Mário Schapiro, em seu Facebook, ao comentar a verdadeira "manobra" de Carmen Lúcia, que há poucos dias recebeu em sua casa aquele que o novo paladino da moralidade suprema, ministro Barroso, chamou de chefe de uma organização criminosa que cobra propina para conceder benesses no Porto de Santos há pelo menos 20 anos. Vejamos o que disse Mário Schapiro sobre o deliberado ardil de Carmen Lúcia: "É digna de nota a intervenção de Marco Aurélio, escancarando a manobra de Carmen Lucia: 'que fique registrado nos anais deste Tribunal que o resultado seria outro se V. Excelência tivesse pautado a ADC'. Explico: havia duas ações questionando a constitucionalidade da prisão após a segunda instância: uma ação geral (ADC) e um habeas corpus (que tem um interessado concreto). A posição de Rosa Weber é a de que a prisão após a segunda instância é inconstitucional, e ela votaria assim na ADC. Marco Aurélio, que é o relator, solicitou à presidente que pautasse a ADC. Para evitar o voto de Rosa, Carmen Lucia manobrou e colocou em votação o HC de Lula. Rosa votou, segundo ela mesma, contra seu entendimento porque entende que não pode divergir do 'precedente' liminar da Corte ao decidir um HC. Teria votado diferente se a ação fosse uma ADC. É assim que o Lula será preso, mas será assim que os demais não serão. A ADC será votada em breve (aposto que depois da eleição). Lula sairá da cadeia, mas depois da eleição. (Acesse AQUI).



E não deu outra. Lula tem até amanhã para se entregar à Polícia Federal para começar a cumprir uma pena que ainda pode ser anulada pelos Tribunais Superiores, entretanto, os membros da ORCRIM que segundo o paladino Barroso pede e recebe propina há pelo menos vinte anos para conceder benesses a empresários no Porto de Santos, foi presa e imediatamente solta, sem sequer prestar depoimentos, pelo próprio Barroso. O mesmo se diga de Aécio Neves, flagrado em grampos da Polícia Federal fazendo menção a eliminar "delatores", o que não impediu Carmen Lúcia de dar o voto de desempate que o liberou para voltar ao Senado. Mas perigoso é o Lula (Confira em KENNEDY: CÁRMEN LÚCIA BENEFICIOU RENAN E AÉCIO, MAS PREJUDICOU LULA).

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos