Com Internacional lotado, petistas falam ao Blog com exclusividade sobre pré-candidatura de Marília Arraes. Para Ferro, o PT de verdade está com Marília Arraes, não é o PT que fica fazendo negociatas nos esgotos do Palácio

Ato em defesa da candidatura de Marília Arraes lotou o Clube Internacional do Recife na manhã de Domingo (20). Foto: Instagram Marília Arraes

Apenas a burocracia partidária que inclui até manobras para cooptação financeira de delegados e imposição de votação secreta para não expor como votaram os delegados cooptados poderá tirar da vereadora Marília Arraes a vitória no próximo dia 10 de junho, quando 300 delegados das mais diversas correntes do PT escolherão entre ter uma candidatura própria encabeçada por Marília ou o apoio à reeleição do governador Paulo Câmara, do PSB, a quem os próprios petistas sempre atribuíram a pecha de golpista e de co-responsável pelos votos que decidiram pelo impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff, colocando Michel Temer no comando do País. Foi o que ficou demonstrado no ato realizado ontem no Clube Internacional do Recife, que ficou pequeno para abrigar militantes do PT e simpatizantes da candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco.

Parlamentares, prefeitos, vice-prefeitos, ex-parlamentares e ex-prefeitos do Partido dos Trabalhadores se somaram aos representantes de mais de 90 Municípios pernambucanos que se fizeram presentes ao Ato para demonstrar aos defensores da aliança com o PSB, capitaneados pelo senador Humberto Costa, que defende a aliança por acreditar que só com o apoio e a estrutura financeira do PSB conseguirá ser reeleito para o Senado, que repudiam qualquer possibilidade de aliança que leve ao apoio à reeleição de Paulo Câmara, ainda mais diante da possibilidade do próprio PT sagrar-se vencedor do Pleito, diante da amplitude que já alcançou a pré-candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco, comprovada inclusive em recentes pesquisas divulgadas pela mídia local e nacional que a colocam em empate técnico tanto com Paulo Câmara quanto com Armando Monteiro, que diferentemente de Marília Arraes contam com o recall da campanha anterior, quando ambos protagonizaram a disputa pelo governo de Pernambuco com a vitória de Paulo Câmara logo no primeiro turn

O Blog da Noelia Brito se fez presente ao evento e entrevistou apoiadores da candidatura própria do PT tendo Marília Arraes como candidata e ouviu da Deputada Estadual  Teresa Leitão que vários fatores justificam uma candidatura própria do PT em Pernambuco que, segundo Teresa há muito tempo não lança candidatura ao governo do Estado. "A militância está cansada de um projeto predominante que quando o PT mais precisou, que foi no processo que golpeou a presidenta Dilma, nós não contamos com esse Partido", disse Teresa Leitão, referindo-se ao PSB, cujos votos foram decisivos para o impeachment e que já havia apoiado a candidatura do tucano Aécio Neves em detrimento da candidatura do Partido dos Trabalhadores, que em Pernambuco recebeu uma votação expressiva à ex-presidenta Dilma, mesmo com o apoio do PSB a Aécio Neves.

"Nós furamos a bolha. A candidatura de Marília hoje não é
só do PT e dos mais diversos setores da sociedade!" (Teresa Leitão)

Teresa Leitão ainda lembrou que "o foco é Lula" e que "Lula precisa de um palanque forte em Pernambuco e esse palanque nem pode ser o palanque de Temer, nem pode ser um palanque envergonhado, precisa ser um palanque do PT e a candidatura da vereadora Marília Arraes, ela conseguiu galvanizar tudo isso e esse ato de hoje confirma isso. Marília hoje não é mais só a pré-candidata do PT, Marília hoje é a pré-candidata de vários setores da sociedade que são simpatizantes do PT e que vão fazer dessa campanha uma campanha vitoriosa."

"O PT de verdade é o que está aqui hoje e não o de bastidores que fica fazendo negociatas nos esgotos do Palácio para passar a ideia de que é um Partido que vai aderir a candidaturas de golpistas." (Fernando Ferro)


Falando ao Blog, o ex-deputado federal Fernando Ferro também defendeu a necessidade da candidatura própria petista. Para Ferro, "o PT que existe de fato é esse que traz gente aqui pra rua pra conversar sobre política e pra debater a pré-candidatura de Marília Arraes e que pode mostrar o seu rosto límpido, corajoso e sério. Não é o PT de bastidores que fica fazendo negociatas, que fica conchavando nos esgotos do Palácio pra tentar passar a ideia de que esse é um Partido que vai aderir a candidaturas de golpistas. O PT tem cara, tem rosto e tem memória. O PT de verdade tá com Marília governadora e Lula presidente."

"O Partido já escolheu seu caminho e o caminho é Marília Arraes!" (Luciano Duque)

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, que tem sido apontado como um dos principais fiadores da pré-candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco, também falou ao Blog. Para Duque,   "a candidatura não pertence mais ao Partido, a candidatura tem hoje a aderência da sociedade e por isso estamos todos aqui. Um evento que traz mais de noventa Municípios, os seus representantes, lideranças, políticos e fortalecer e mostrar e dizer aos líderes do nosso Partido, que o Partido já escolheu o caminho e o caminho é Marília."

"O PT tem que seguir sua militância e a militância quer Marília". (Liana Cirne)

VAIAS A HUMBERTO COSTA POR DEFESA DO APOIO A PAULO CÂMARA

Ao ter seu nome citado pelo Secretário Nacional de Cultura do PT, Márcio Tavares, o senador Humberto Costa levou uma sonora vaia. Tavares, cuja corrente apoia a candidatura de Marília Arraes, iniciou sua fala dizendo que trazia o abraço de dois ex-presidentes da Câmara dos Deputados, os petistas Arlindo Chinaglia e Marco Maia, à candidatura de Marília e também da senadora Fátima Bezerra que é pré-candidata ao governo do Rio Grande do Norte e da deputada federal Maria do Rosário. Mas ao citar o nome de Humberto Costa, a quem atribuiu uma entrevista à Folha de São Paulo onde Humberto teria afirmado que a aliança  com Paulo Câmara estaria selada, Márcio ouviu uma sonora vaia dirigida ao senador pernambucano. Márcio disse que pelo visto Humberto Costa não andava conversando muito com a militância petista.

Acesse todas as entrevistas completas das mais diversas lideranças presentes ao Ato em defesa da pré-candidatura de Marília Arraes e pela liberdade do ex-presidente Lula e seu direito de também ser candidato, que foram transmitidas "ao vivo", ontem, por nossa Página no Facebook no link https://www.facebook.com/noeliabritoblog/videos/1879559338734895/ . 






MAIS VISITADAS DO MÊS

Única nota 1000 do ENEM de Pernambuco faz homenagem a seu professor de Português

Exclusivo: Sai João e entra Tadeu na sucessão no Recife

Coincidência: donos do terreno desapropriado por R$ 38 milhões por Geraldo Julio são parentes de outro prefeito do PSB

Perito do TJPE aponta sobrepreço de 100% no valor da indenização de R$ 38 milhões que a Prefeitura do Recife pretende pagar por imóvel na Av. Norte

Ataques de Secretário de Geraldo Julio contra Patrícia Domingos em debate são confissão de pânico de uma possivel candidatura da policial à Prefeitura do Recife