Inquérito da PF sobre o acidente que vitimou Eduardo Campos e membros de sua equipe deve ser concluído até o final de julho



O Delegado Rubens Maleiner, da Polícia Federal, informou ao advogado Antônio Campos, que deverá entregar seu relatório sobre o acidente que vitimou o governador Eduardo Campos e membros de sua equipe, no final do mês de julho/ 2018, antes do acidente completar 4 anos. 

Antônio Campos, que era irmão de Eduardo Campos, protocolou, hoje, petição em Santos, na DPF, em que insiste que o laudo do CENIPA deve ser desprezado e que é fundamental o acesso a uma prova negada pelo CENIPA: os dados coletados nos motores do avião. 



O advogado também solicitou nos autos da ação de produção de provas, sob o nº 5001663-02.2017.4.03.6104, que tramita na 4ª Vara Federal de Santos, a requisição pelo Juiz Federal de tal prova, de grande importância na investigação. 

MAIS VISITADAS DO MÊS

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Radar: João Campos recebe mais de R$ 5,2 milhões do Fundo Eleitoral do PSB e é recordista nacional de doações

Desembargador extingue reclamação do Estado de Pernambuco contra decisão do Juiz que mandou suspender retorno das aulas presenciais