ACRIM promove manifestação contra violência policial contra Advogados e leva comitiva ao Palácio para entrega de manifesto ao governador



A Associação dos Advogados Criminalistas de Pernambuco -ACRIM promove, a partir das 10 hs da manhã de hoje, ato em repúdio à violência policial contra advogados, com saída marcada em frente ao edifício sede da OAB/PE na Rua do Imperador, no Recife, devendo seguir em caminhada rumo ao Palácio do Campo das Princesas, onde uma Comitiva formada por Advogados deverá entregar um manifesto de repúdio à recente prisão de um advogado por policiais militares na cidade de Caruaru, em ato de flagrante violência policial contra as prerrogativas e inviolabilidade do advogado no exercício da profissão.

Um vídeo (assista em https://www.facebook.com/1755440563/posts/10204766277194191/) com a prisão arbitrária do advogado trabalhista Sávio Delano circula nas Redes Sociais e já teve milhares de compartilhamentos e visualizações causando repúdio da OAB e das mais diversas entidades representativas de advogados, tendo sido matéria do site especializado CONJUR (leia em https://www.conjur.com.br/2018-jul-06/advogado-detido-suposto-desacato-oab-considera-acao-abusiva e https://g1.globo.com/pe/pernambuco/noticia/oab-pe-denuncia-abuso-de-autoridade-e-pede-afastamento-de-policiais-que-prenderam-advogado-em-caruaru.ghtml)





MAIS VISITADAS DO MÊS

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Durante julgamentos de interesse da gestão Geraldo Julio, um dos quais envolvendo a Casa de Farinha, Conselheiros do TCE/PE perdem a calma, gritam e interrompem Procuradora que combate a corrupção no Governo de Pernambuco e na Prefeitura do Recife

Exclusivo: TJPE determina afastamento do Prefeito de Paulista, Junior Matuto, a pedido do Dracco, por desvios de R$ 21 milhões em PPP do lixo com a empresa Locar

"Grampos" da Operação Locador, do DRACCO, mostram temor de investigados de que chefões da gestão Matuto lhes fizessem "mal" e espanto com pagamentos em dinheiro vivo feitos pelo prefeito na compra de terrenos

PF volta à Prefeitura do Recife em mais duas Operações por desvios de recursos públicos na pandemia: Bal MAsqué e Apneia III. Diretor Financeiro é afastado do cargo pro pagar mais de R$ 7 milhões por produtos jamais entregues