TERESA LEITÃO DESMENTE "FAKE NEWS" SOBRE RETIRADA DE CANDIDATURA DE MARÍLIA ARRAES PELO PT



Cientes de que perderão o Encontro Eleitoral de amanhã, quando os delegados do Partido dos Trabalhadores de Pernambuco conformarão Marília Arraes ao governo de Pernambuco, assessores de Humberto Costa espalharam em Blogs locais "fakenews" dando conta de que Gleisi Hoffmann teria avisado Marília de que esta teria sido "rifada" na disputa para que o PT apoiasse a reeleição de Paulo Câmara.

O mais grave da propagação dessa notícia falsa não é apenas seu conteúdo inverídico às vésperas do Encontro Eleitoral, numa nítida tentativa de abater os ânimos dos delegados que votarão pela candidatura própria de Marília Arraes e seus aliados, apenas um dia antes da votação, mas o fato de atribuirem a divulgação da notícia à deputada estadual Teresa Leitão, defensora da candidatura de Marília e aliada desta na luta para que o PT não se alie aos golpistas do PSB.

Inicialmente, a mentira foi divulgada no Blog do Edmar Lyra, que afirmou que teria recebido a informação de Teresa Leitão. A deputada, porém, desmentiu o blogueiro chegando a firmar que nunca em sua vida tinha trocado sequer uma palavra com esse rapaz e que esse tipo de mentiras faziam parte "do processo de queimação dos alienistas contra quem defende a candidatura própria de Marília".  O desmentido foi publicado no Blog do Nill Junior (leia em http://nilljunior.com.br/tereza-leitao-nega-que-afirmou-que-marilia-seria-rifada/ )


Em nota, a deputada reafirmou o desmentido tanto de que teria dito a Edmar Lyra que Marília Arraes teria sido rifada quanto a própria notícia dando como certa a retirada da candidatura da aliada pelo PT Nacional. Teresa Leitão lembra que somente o Encontro Estadual do PT, que será realizado amanhã, dia 2 de agosto, pode tomar a decisão de retirar a pré-candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco. Leiam a Nota de Teresa Leitão, na íntegra:

NOTA DE TERESA LEITÃO

Esclareço que a matéria veiculada em Blog local de que eu teria sido portadora da notícia sobre a retirada da pré-candidatura de Marília Arraes ao Governo de Pernambuco é falsa, não procede. 

Só quem pode tomar essa posição é o Encontro Estadual do PT, que será realizado amanhã, dia 2 de agosto. 

Desde o início deste processo, a candidatura de Marília Arraes e seus apoiadores enfrentam uma grande oposição de setores do PT que defendem a aliança com o PSB. 

Reitero a importância do respeito ao encontro como instância partidária e aproveito para lamentar o comportamento daqueles que estão proliferando a notícia do referido Blog em vários grupos de WhatsApp do PT e fora do PT.

Teresa Leitão

MAIS VISITADAS DO MÊS

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Radar: João Campos recebe mais de R$ 5,2 milhões do Fundo Eleitoral do PSB e é recordista nacional de doações

Desembargador extingue reclamação do Estado de Pernambuco contra decisão do Juiz que mandou suspender retorno das aulas presenciais