OPERAÇÃO ABISMO: PF PRENDE GENRO DE LULA CABRAL QUE APARECE EM ÁUDIO COM LOBISTA QUE INTERMEDIOU AS FRAUDES CONTRA A CABOPREV

André Maciel, que é genro de Lula Cabral, foi preso no último dia 22, quando chegava em casa, por volta das 22 hs.

A Polícia Federal divulgou, ontem (24), a prisão de um empresário, em Boa Viagem, por participação no esquema que levou à prisão o prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral, do PSB, por fraudes previdenciárias no valor de R$ 92 milhões, aplicadas na Previdência dos Servidores do Cabo. 
A prisão foi realizada na noite do dia 22, no momento em que esse empresário chegava em casa.

O Blog da Noelia Brito apurou que o preso é o genro de Lula Cabral, André de Câmara Barros Maciel, que é apontado no inquérito da Operação Abismo como cúmplice do sogro recebimento de propina para levar os R$ 92 milhões do Fundo Previdenciário dos Servidores do Cabo para aplicações em títulos "podres".

O inquérito apurou que a obtenção da transferência dos recursos aplicados na CEF para os Fundos da Terra Nova/Bridge teriam se dado mediante o pagamento de propina ao prefeito Lula Cabral, em associação com seu genro, André da Câmara Barros Maciel, possivelmente em espécie, muito embora, não se tenha ainda apurado o montante dessa propina, que, de acordo com a Polícia Federal, teria sido oferecida pelo lobista Daniel Lucas e por representantes da Terra Nova. Ainda segundo a Polícia Federal, os gestores da Terra Nova também teriam recebido vantagens indevidas para indicar o investimento fraudulento, o que é vetado por Instrução Normativa da CVM.

Além disso, diálogo resgatado do celular de Daniel Lucas com o genro de Lula Cabral, André Câmara Barros Maciel, ocorrido logo após a aterrisagem do jatinho fretado pela Bittenpar, já retornando de Jundiaí, na madrugada do dia 07/11/2017, quando André Câmara avisa a Daniel Lucas que já "estava chegando". Na sequência, Daniel Lucas pergunta um número de uma conta para fazer um depósito, conta esta que já teria sido solicitada por duas vezes pelo representante da Terra Nova. Duas horas após esse contato, um novo contato é feito com Marco Aurélio para lhe informar um conta de depósito em nome da advogada Quitéria Kelly Guedes de Lira, conta esta que recebeu R$ 47 mil, que também está registrada no Empresarial Rio Mar Trade Center como vinculada às salas onde ainda estão registrados o escritório de de Daniel Lucas, de Leonardo Mota e de Ana Claudia Azevedo.


MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos