OPERAÇÃO ABISMO: TRF5 DECRETA PRISÃO DE MAIS UM EMPRESÁRIO E PRORROGA PRISÕES TEMPORÁRIAS. PREFEITO DO CABO SEGUE PRESO PREVENTIVAMENTE

Prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral, segue preso preventivamente no Cotel

A Policia Federal, por sua assessoria de comunicação, acaba de confirmar que o Tribunal Regional Federal da 5ª Região decretou a prisão de mais um suspeito de envolvimento na Operação Abismo, que desbaratou uma organização criminosa responsável por fraudes na Previdência dos Servidores do Cabo de Santo Agostinho.

De acordo com a nota, com a prisão de ontem, realizada em Boa Viagem, por volta das 22 horas, quando o empresário chegava em sua residência, subiu para 23 o número de prisões decretadas na Operação. Logo após tomar ciência de sua prisão, o empresário que não teve o nome revelado, em razão do sigilo do inquérito mantido pelo desembargador relator, apesar de pedidos da PF e do MPF para que o sigilo fosse levantado, foi encaminhado para o COTEL.

Ontem também foram renovadas por mais 5 dias todas as prisões temporárias e os materiais apreendidos de outros estados já estão começando a chegar em Recife/PE, onde passarão por análise e perícia especializada – Dentre as apreensões estão dinheiro, carros de luxos, equipamentos de informática e documentos fiscais.


MAIS VISITADAS DO MÊS

São dois, os Secretários de Geraldo Julio, presos pela Polícia Federal, ontem, por desvios em obra da BR 101, ambos indicados por Sebastião Oliveira

Mãe "rica" da "Beira Mar" reclama de escola cearense que coloca seus filhos em aulas on line com crianças de "outro nível". Escola emite nota lamentando discriminação

Com Covid19, Sikêra Jr. chora ao vivo e alerta: "não façam como eu fiz. Não subestimem a doença"

Juiz faz Inspeção nas unidades de saúde para Covid-19, de Pernambuco, e oficia MPPE e MPF, para que investiguem possíveis crimes na ocorrência de óbitos por falta de UTIs no Estado que até hoje não explicou com o que gastou R$ 9,7 bilhões recebidos do SUS e repassados a OSs

Exclusivo: Deputado Sebastião Oliveira, de Pernambuco foi alvo de buscas e apreensões da PF na Operação Outline. Dois ex-servidores do DER foram presos na manhã de hoje