OPERAÇÃO FANTOCHE DESBARATA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DE R$ 400 MILHÕES NO MINISTÉRIO DO TURISMO E NO SISTEMA "S" EM #PERNAMBUCO E MAIS SEIS ESTADOS



A Polícia Federal em Pernambuco deflagrou na manhã desta terça-feira (19/02), com a colaboração do Tribunal de Contas da União, a OPERAÇÃO FANTOCHE visando desarticular Organização Criminosa voltada a prática de crimes contra a administração pública, fraudes licitatórias, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

De acordo com a investigação, um grupo de empresas sob o controle de um mesmo núcleo familiar atua de forma contínua e perene, desde o ano de 2002, executando contratos firmados por meio de convênios com o Ministério do Turismo e entidades paraestatais do intitulado sistema “S”.

A organização criminosa utilizaria entidades de direito privado sem fins lucrativos para justificar celebração de contratos e convênios diretos com o Ministério convenente e Unidades do Sistema S, contratos estes, em sua maioria, voltados à execução de eventos culturais e de publicidade superfaturados e/ou com inexecução parcial, sendo os recursos posteriormente desviados em favor do núcleo empresarial por intermédio de empresas de fachada.

Estima-se que o grupo já tenha recebido mais de R$ 400.000.000,00 decorrentes desses contratos. A ação tem a colaboração do Tribunal de Contas da União e, ao todo, conta com a participação de 213 policiais federais e 08 auditores do TCU que estão cumprindo 40 mandados de busca e apreensão e 10 mandados de prisão temporária, nos estados de PE, MG, SP, PB, DF, MS e AL, ppr ordem da 4ª Vara Federal da Seção Judiciária de Pernambuco, que ainda autorizou o sequestro e bloqueio de bens e valores dos investigados.

O Blog apurou que entre as empresas investigadas está a Aliança Publicidade, situada na Av. Rosa e Silva, no Recife. Ao longo do dia trazemos informações sobre os demais alvos.

A Policia Federal dará entrevista coletiva a partir das 10 horas, na superintendência de Pernambuco mo Cais do Apolo.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos