JUSTIÇA FEDERAL PROMOVE 60 ACORDOS ENVOLVENDO PRÉDIOS-CAIXÕES

Foto ilustrativa
Além das atividades normais de conciliação, o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) promoveu mutirão de audiências referentes a Prédios-Caixão, em parceria com a Caixa Econômica Federal, Empresa Gestora de Ativos (EMGEA) e Ministério Público Federal (MPF), resultando em 60 acordos, com a recuperação de valores na ordem de, aproximadamente, R$ 1.150.000,00. As audiências de conciliação foram realizadas de 18 a 22 de fevereiro, envolvendo cerca de 100 empreendimentos, todos do tipo autoportante, das cidades de Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes. 
No mês de março, o Cejusc promoverá um novo mutirão de conciliação, que irá abranger 96 empreendimentos do tipo caixão. De acordo com a  coordenadora do Cejusc da JFPE, a  juíza federal Nilcéa Maggi, a expectativa é de serem realizadas 200 audiências, durante o período de 25 a 29/03.  Nas audiências de conciliação, os mutuários e ocupantes poderão negociar com a Caixa Econômica Federal descontos de até 80% em relação ao valor de avaliação do imóvel.
Prédio-Caixão
O Projeto Prédio-Caixão teve início em outubro de 2017 com o objetivo de, mediante conciliação judicial, regularizar o uso e a ocupação dos prédios construídos sob a técnica de alvenaria autoportante, conhecidos como prédios-caixão.

Texto e informações: Assessoria de Comunicação da JFPE


MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos