Nova Política: DEM emplaca quarto ministério e assume o papel do MDB na Nova Política bolsonarista

Figurões do DEM abraçados com Bolsonaro comemorando o quarto ministério 

A Columa Painel, da Folha de São Paulo, soltou a seguinte Nota na semana passada, pouco antes de Bolsonaro confirmar numa coletiva, que hoje demitiria o então ministro da Educação, o colombiano Vélez: "Feliz da vida Fotografia em que ACM Neto, presidente do DEM, aparece sorrindo abraçado a Bolsonaro após seu encontro no Planalto virou piada no grupo de dirigentes partidários. “É cara de quem tem três ministérios e caminha para fechar o quarto”, brincou um aliado.

O vaticínio dos aliados partidários de Bolsonaro revelado pela Folha se confirmou hoje com Onyx e DEM indicando o novo ministro que deverá substituir Vélez no MEC. Trata-se do banqueiro Weintraub, que já trabalhava no governo Bolsonaro como secretário-executivo da Casa Civil, segundo cargo mais importante dentro da pasta.

Junto com o irmão, Arthur Weintraub, foi responsável pela área de Previdência no período de transição. Os dois foram indicados a Bolsonaro pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni que conheceu os irmãos Weintraub em um seminário internacional sobre Previdência realizado, em 2017, no Congresso Nacional.

Abraham Weintraub é formado em Ciências Econômicas pela Universidade de São Paulo (1994) e mestre em administração na área de finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ele é professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e atuou no mercado financeiro por mais de 20 anos. Na iniciativa privada, trabalhou no Banco Votorantim por 18 anos, onde foi economista-chefe e diretor, e foi sócio na Quest Investimentos.

A cada dia mais fortes no governo Bolsonaro. Agora o DEM e Lorenzoni emplacam o quarto ministro, deixando evidente que esse é o verdadeiro partido de Bolsonaro. PSL não passa de uma legenda laranja mergulhada em denúncias de uso de candidatos laranja. A Nova Política Bolsonarista traz como única novidade a troca do MDB pelo DEM.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos