Operação HARPALO: Secretário de Camaragibe afastado em Operação da DRACO, por suspeita de corrupção, prorrogou contrato R$ 18,4 milhões, do Lixo, poucos dias antes do afastamento. Aditivo só foi publicado hoje. Leiam.





O Diário Oficial de Camaragibe traz hoje a publicação de um Termo Aditivo assinado no dia 12 de março deste ano, pelo secretário de Infraestrutura e Serviços Púbicos daquele Município, Silvano Jackson, prorrogando o contrato com a empresa Camará Ambiental, por mais 12 meses. O Secretário foi afastado do cargo no último dia 26 de março a pedido da DRACO.

A Camará Ambiental é o segundo maior recebedor de recursos do Município de Camaragibe, ficando atrás apenas do Fundo Previdenciário. À Camará foram destinados em 2018 o valor de R$ 12.503.650,56, de acordo com o Portal Tome Conta, do TCE.





*Post editado.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Durante julgamentos de interesse da gestão Geraldo Julio, um dos quais envolvendo a Casa de Farinha, Conselheiros do TCE/PE perdem a calma, gritam e interrompem Procuradora que combate a corrupção no Governo de Pernambuco e na Prefeitura do Recife

Exclusivo: TJPE determina afastamento do Prefeito de Paulista, Junior Matuto, a pedido do Dracco, por desvios de R$ 21 milhões em PPP do lixo com a empresa Locar

"Grampos" da Operação Locador, do DRACCO, mostram temor de investigados de que chefões da gestão Matuto lhes fizessem "mal" e espanto com pagamentos em dinheiro vivo feitos pelo prefeito na compra de terrenos

É tetra! Prefeitura do Recife recebe a quarta "visita" da Polícia por fraudes na pandemia, desta vez foi a DECOT. A prefeitura nega envolvimento