CRUSOÉ: LÍDER DE BOLSONARO, FBC APARECE NO BANCO DOS DOLEIROS

13 de mai. de 2019

/ by Blog da Noelia Brito


Matéria publicada hoje pela revista eletrônica Crusoé, assinada pelo jornalista Fabio Serapião, revela que o líder do governo Bolsonaro, no Senado, o pernambucano Fernando Bezerra Coelho (MDB), aparece no Sistema ST, utilizado pelo "banco dos doleiros" como beneficiário de um pagamento em dinheiro de R$ 500 mil realizada no dia 8 de setembro de 2014, pouco antes das eleições em que o ex-ministro do governo Dilma se elegeu senador, na época pelo PSB.

O repasse para FBC teria origem na conta corrente do doleiro Alvaro Novis. De acordo com a matéria da Crusoé, no campo observações do sistema aparece as seguintes informações: "Em Recife, senha Pitombeiras C.14,1521-404150 e tanto a cidade como a senha e o número coincidem com as anotações entregues pelos delatores da Odebrecht nos anexos de suas delações. 

Ainda segundo a Revista, os arquivos do banco de dados dos doleiros poderão auxiliar a Polícia Federal e o MPF de Alagoas no inquérito que apura o pagamento de propina no valor de R$ 1 milhão a FBC, que de acordo com a delação do ex-executivo da Odebrecht, João Pacífico, foi feito ao então ministro do governo Dilma, hoje líder de Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra de Mello, para as obras do Canal do Sertão em Alagoas.

Na delação, João Pacífico contou que metade dessa propina foi entregue de uma só vez, em 8 de setembro de 2014, mesma data e valor que constam no sistema dos doleiros, a um intermediário de FBC.

A Crusoé lembrou que o apelido de FBC ma Planilha da Odebrecht era Charada e para receber o pagamento da propina, o emissário deveria dizer a senha "pitombeiras", que também aparece no Sistema dos doleiros.

Para ler a matéria completa, exclusiva para assinantes, acesse em https://crusoe.com.br/diario/repasse-da-odebrecht-para-fernando-bezerra-aparece-em-banco-dos-doleiros/

Nenhum comentário

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

© Todos os direitos reservados - 2021