Quem são os donos dos 800 quilos de cocaína apreendidos pela Receita no Porto de Suape e dos 39 quilos apreendidos na Espanha no avião presidencial?

Em fiscalização de rotina, a Receita Federal apreendeu 800 quilos de cocaína disfarçados em carregamento de bananas destinados à Antuérpia, na Bélgica (Imagem: Polícia Federal, em Pernambuco
A Receita Federal em Pernambuco apreendeu, no último dia 21/06, em pleno Porto de Suape, uma carga de 800 quilos de cocaína que seria traficada para Antuérpia, na Bélgica. O carregamento de cocaína, um dos maiores já apreendidos em um Porto no Brasil, estava disfarçado como se fora um carregamento de bananas. Políticos tentaram impedir recentemente que a Receita Federal atuasse nesse tipo de apreensão. Por quê?

Em nota, a Polícia Federal, em Pernambuco, informou que instaurou inquéritos para identificar os fornecedores e principais financiadores, tanto dessa quantidade gigantesca de cocaína, apreendida pela Receita Federal, em SUAPE, quanto da carga de 8 toneladas de maconha, oriunda do Paraguai, apreendida pela Polícia Rodoviária Federal e que teria como destino final a cidade de Caruaru.

Segundo a PF, servidores da Receita Federal, que participaram da ação, serão ouvidos no inquérito, a fim de identificarem a empresa ou responsáveis pela remessa de cocaína para a Bélgica. Para tanto, haverá troca de informações entre a Interpol das polícias brasileira e belga com vistas também a identificar os responsáveis pela recepção da cocaína naquele país, já que é interesse de ambas as nações evitar a entrada ou saída de material entorpecente em seus territórios.

Imagens: Polícia Federal/PE

 Com relação a maconha apreendida pela Polícia Rodoviária Federal e 1º BIESP, os policiais rodoviários e militares já foram ouvidos em inquérito passando as informações preliminares da ocorrência, bem como os dois presos EDSON CARLOS SIRENA, motorista de 45 anos, casado, natural de Gaurama/RS, e residente no bairro Estação, Lapa/PR (não possui antecedentes criminais) e LUIS CARLOS LINO JUNIOR, motorista de 45 anos, casado, natural de São Bernardo do Campo/SP e residente no bairro Ferrasópolis, São Bernardo do Campo/SP (não possui antecedentes criminais), também já prestaram esclarecimentos, que subsidiarão as investigações. 

A Polícia Federal de Foz de Iguaçu (Paraná) também investigará a organização criminosa responsável pelo envio de grande carregamento de maconha para o nordeste.

No que concerne à apreensão, feita pela Polícia espanhola, de 39 quilos de cocaína que foram traficados por um militar da FAB, usando um avião da comitiva do presidente Jair Bolsonaro, o próprio vice-presidente Mourão afirmou que o sargento preso com a droga não passaria de uma "mula".

MAIS VISITADAS DO MÊS

Milionários pernambucanos aparecem na "caixa preta" do BNDES anunciada por Bolsonaro. Saiba quem são.

Lava Jato chega a Pernambuco: "Amplo esquema criminoso leva Lava Jato a bloquear mais de R$ 3,5 bilhões do PSB, de FBC, do Espólio de Eduardo Campos, Do MDB e de Eduardo da Fonte além de vários empresários

Sem saber que estava sendo gravado, marido e assessor de vereadora relata fraudes em licitações envolvendo deputado federal e esquemas com emendas parlamentares. Até manipulação do MPPE para obter vantagens ele confessa

Incômodo de políticos influentes com investigações estariam por trás de perseguições a Delegada Patrícia Domingos, suspeita presidente da ADEPPE

Exclusivo: Relatório do MPPE comprova que SDS tenta responsabilizar delegada Patrícia por prescrições ocorridas no século passado, antes da policial ingressar na própria Policia Civil. Quem estão querendo acobertar?