Crusoé: suposto atentado contra marqueteiro, no Recife, estaria associado a disputa financeira com ex-sócios


Registro fotográfico da vidraça atingida pelo disparo

A edição de hoje da Revista Crusoé revela que "O cientista politico Antonio Lavareda, que trabalhou para Fernando Henrique Cardoso e Michel Temer, foi à polícia para registrar um suposto atentado à sede de seu instituto de pesquisas, o Ipespe, em Recife."

Segundo a Revista, "Ao registrar o boletim de ocorrência, ele relacionou o episódio a uma guerra jurídica milionária que trava com seus ex-sócios em um banco de pequeno porte. Lavareda não estava no escritório  no instante em que um tiro foi disparado contra uma das janelas, no início de maio. Ninguém ficou ferido. A policia inveatiga."




MAIS VISITADAS DO MÊS

Única nota 1000 do ENEM de Pernambuco faz homenagem a seu professor de Português

Exclusivo: Sai João e entra Tadeu na sucessão no Recife

À Época, Antônio Campos afirma ter denunciado, às autoridades, esquema maior do que o da Paraíba, operando em Pernambuco pelas mãos de Renata Campos e do PSB

Coincidência: donos do terreno desapropriado por R$ 38 milhões por Geraldo Julio são parentes de outro prefeito do PSB

Ataques de Secretário de Geraldo Julio contra Patrícia Domingos em debate são confissão de pânico de uma possivel candidatura da policial à Prefeitura do Recife