Inteligência da JF flagra desvios em descontos de créditos consignados por prefeituras


Buscando concretizar sua finalidade institucional de redução do número de ações judiciais repetitivas, o Centro de Inteligência da Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) detectou possíveis desvios no desconto de vencimentos de servidores municipais que seriam destinados ao pagamento de empréstimos consignados realizados pela Caixa Econômica Federal.

O alerta foi aceso após os membros do Centro de Inteligência verificarem o aumento do número de processos por danos morais movidos por servidores municipais negativados, contra a Caixa Econômica Federal. Detectou-se, assim, que apesar do desconto na folha de pagamento, o montante não estava sendo repassado ao banco fornecedor do empréstimo.

Nesta terça-feira (13), os juízes federais Frederico Azevedo, Marcos Saraiva e Augusto Leal, que compõem o Centro de Inteligência, acompanhados pelo coordenador jurídico da Caixa, Ricardo Siqueira, estiveram no Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE), onde relataram os casos. O presidente do TCE, Marcos Loreto, já determinou ação para apuração junto aos municípios envolvidos.


Autor: Assessoria de Comunicação JFPE

MAIS VISITADAS DO MÊS

SDS transfere delegado de Arcoverde que prendeu filho da presidente da Câmara por série de homicídios e população se revolta. Vereadora é do Partido do Governador

Corruptocracia Pernambucana: Prefeito com tornozeleira é recebido com festa ao retornar ao cargo depois de desviar quase cem milhões da Previdência. Veja o vídeo

PF deflagra Operação contra empréstmos fraudulentos de R$ 8,5 milhões no BNB em Pernambuco. Empresário e bancário estão foragidos da Justiça

"Lá no apartamento de Fernandinho...ali eu tenho acesso, toda hora, todo instante". Leia trechos da degravação da conversa entre agiota do jatinho e operador dos Bezerra Coelho revelada em primeira mão pelo Blog

STJ MANDA INQUÉRITO CONTRA PAULO CÂMARA E GERALDO JULIO, POR SUPOSTOS CRIMES NA LICITAÇÃO DA ARENA PERNAMBUCO, PARA VARA DOS CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NO RECIFE