Operação Mercurio: GAECO/MPPE participa de Operação Nacional contra ORCRIM especializada em lavagem de dinheiro e roubo de cargas. Dois suspeitos foram presos em Olinda



O Gaeco do MPPE cumpriu na manhã desta quinta-feira (29) dois mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão no âmbito da Operação Mercúrio. Em Pernambuco, os alvos foram dois irmãos que residem na cidade de Olinda. Um deles foi preso e ficará à disposição da Justiça, enquanto o segundo não foi localizado. 

Na residência de um dos alvos ainda foram apreendidos um notebook, um smartphone, cinco pen drives e mídias digitais. 

Em todo o país, estão sendo cumpridas 45 prisões preventivas e 48 temporárias, além de 110 mandados de busca e apreensão em dez estados (Pernambuco, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Pará, Paraná e Tocantins). 



A Operação Mercúrio também obteve o bloqueio judicial de R$ 40 milhões, bem como a apreensão de cerca de 200 veículos. De acordo com as investigações conduzidas pelo Ministério Público de Minas Gerais e pela Polícia Federal, a organização criminosa é responsável pelas prática de roubo de cargas e de caminhões e por atividades de receptação, lavagem de dinheiro, falsificação de notas fiscais e organização criminosa. 




Os pernambucanos atuavam na intermediação entre os integrantes do grupo que roubavam as cargas e os receptadores, que faziam uma espécie de "encomenda" dos produtos roubados.

* Com informações e imagens da Assessoria de Comunicação do MPPE 

MAIS VISITADAS DO MÊS

Contrato da iluminação pública de Olinda leva à condenação da vice-governadora de Pernambuco e ex-prefeita do município por improbidade administrativa com suspensão dos direitos políticos por seis anos

Corruptocracia Pernambucana: Prefeito com tornozeleira é recebido com festa ao retornar ao cargo depois de desviar quase cem milhões da Previdência. Veja o vídeo

STF derruba sigilo de gastos da Presidência e Bolsonaro terá que mostrar faturas milionárias do cartão corporativo

Cabos da PM/PE denunciam que governo de Pernambuco só promove oficiais: "Quanta injustiça numa única corporação!"

DRACO pede e TJPE autoriza prisão do filho do operador pivô do afastamento do prefeito de São Lourenço da Mata e da prisão do prefeito de Camaragibe