Prefeita de Lagoa do Carro quer receber R$ 1.800 por cada 12 horas que estiver fora do Município. MPPE questiona

Judite Botafogo quer receber diárias de R$ 1800 por cada 12 horas em que se afastar da sede do município. Prefeita é do PSDB 

Um projeto de Lei encaminhado pelo Poder Executivo de Lagoa do Carro para aprovação da Câmara de Vereadores do Município está sendo questionado pelo promotor de Justiça Guilherme Graciliano Araújo Lima por estabelecer valor considerado exorbitante para as diárias a serem pagas pela Prefeitura a servidores que realizarem tarefas fora da cidade.

De acordo com a Portaria 16/2019 publicada no Diário oficial eletrônico de hoje, do MPPE, mesmo para prestação de serviços em municípios vizinhos ou na Capital, se aprovado, o projeto permitirá o pagamento de diária de um mil e oitocentos reais por Lagoa do Carro, valor muito acima do que a capacidade financeira do Município permitiria e acima daquele pago por  municipios próximos a seus prefeitos.

Leiam a Portaria:





MAIS VISITADAS DO MÊS

Única nota 1000 do ENEM de Pernambuco faz homenagem a seu professor de Português

Exclusivo: Sai João e entra Tadeu na sucessão no Recife

Coincidência: donos do terreno desapropriado por R$ 38 milhões por Geraldo Julio são parentes de outro prefeito do PSB

Perito do TJPE aponta sobrepreço de 100% no valor da indenização de R$ 38 milhões que a Prefeitura do Recife pretende pagar por imóvel na Av. Norte

Ataques de Secretário de Geraldo Julio contra Patrícia Domingos em debate são confissão de pânico de uma possivel candidatura da policial à Prefeitura do Recife