Sem saber que estava sendo gravado, marido e assessor de vereadora relata fraudes em licitações envolvendo deputado federal e esquemas com emendas parlamentares. Até manipulação do MPPE para obter vantagens ele confessa

8 de ago. de 2019

/ by Blog da Noelia Brito

Circula nas Redes Sociais um áudio divulgado por alguém se intitulando "Intetcept Palmares", onde uma voz atribuída ao assessor e marido da vereadora de Palmares, Ray do Quilombo revela supostos esquemas com deputados estaduais em contratos pagos por emendas parlamentares e fraudes em licitações envolvendo parlamentar federal. O marido da vereadora Ray do Quilombo, de nome Rodrigo Coutinho, a quem é atribuída a voz que aparece nos áudios, aparece se vangloriando de receber vantagens oriundas de emendas do presidente da Alepe, Eriberto Medeiros, a quem cita nominalmente e do deputado Pastor Cleiton Collins.

A voz afirma que a CPI presidida pela esposa de Rodrigo Coutinho, a vereadora Ray do Quilombo, contra o prefeito de Palmares, teria a finalidade de beneficiar o vice e seria uma vingança porque o prefeito não teria dado à vereadora e a seu marido cargos de pelo menos 4 ou 5 mil reais. 

Um dos trechos mais graves aponta para possíveis fraudes em licitações no Município de Água Preta, onde a pessoa identificada como Rodrigo Coutinho afirma que seu primo, o ex-deputado federal Fernando Coutinho teria intetcedido para que um protegido vencesse uma licitação naquele município, de quase um milhão, retirando-o do pregão, implicando num sobrepreço de 300 mil reais.

Além disso, a voz atribuída a Rodrigo Coutinho afirma que toda semana estaria "empurrando" uma denúncia no Ministério Público para intimidar o prefeito.

Com a palavra, os citados nas gravações.

Confiram o áudio:


© Todos os direitos reservados - 2021