Incoerência: Paulo Câmara deixa delegacia do Meio Ambiente sem titular ao mesmo tempo em que posa na ONU como "estadista" da causa ambiental

Incoerência: Governador de Pernambuco está em Nova York discursando sobre os feitos de seu governo na área ambiental ao mesmo tempo em que deixa a Delegacia de combate aos Crimes Ambientais sem titular.


A publicação de uma Portaria no Diário Oficial de ontem (24), assinada pelo secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua, causou revolta dos defensores do Meio Ambiente, no Estado, especialmente naqueles que militam na causa animal, que tem sido exaustivamente usada em prol de projetos pessoais de poder por vários políticos, mas que se calam diante do absurdo observado na mencionada Portaria nº 4859, datada de 19/09/2019, pela qual a Delegada de Polícia Maria Elizabeth Patriota do Rego Barreto foi dispensada da Chefia da Delegacia do Meio Ambiente passando a exercer a função de Delegada Adjunta de Polícia de Roubos e Furtos "em face de sua extensa demanda, a fim de que disponha de recursos humanos aptos ao enfrentamento da criminalidade local, atendendo à demanda da unidade e alcançando as metas estabelecidas para o departamento ao qual é vinculada".

O mais grave na decisão da SDS de Paulo Câmara, nesse caso, é que uma Delegacia importante como a do Meio Ambiente - que já vinha num processo de sucateamento pelo governo -, além de ficar sem titular, será acumulada com a Delegacia de Polícia de Crimes Contra o Consumidor, pela Delegada Especial de Polícia Beatriz Gibson Cunha Santana, com o que o governo também demostra desprezo com a Defesa do Consumidor, pois fará com que uma mesma profissional de segurança pública acumule duas delegacias com atribuições totalmente díspares, a pretexto de atender "aos pressupostos fáticos de necessidade de redistribuição de efetivo à demanda e metas de cada unidade."

O Blog apurou que o DEPOMA  contava no início do ano com uma delegada, dois escrivães e seis comissários que realizavam atividades administrativas e investigativas. A guarda patrimonial da Delegacia ficava a cargo de policiais aposentados que foram recontratados para esta finalidade e que não podem atuar em atividades investigativas. Dessa forma, o DEPOMA já possuía um efetivo reduzido para suprir a demanda. Ainda assim, era capaz de responder demandas da sociedade civil organizada, órgãos estatais e ao cidadão comum. 

Com a remoção de um dos escrivães em agosto deste ano, o trabalho ficou comprometido. O cenário ficará ainda mais caótico com a saída da Delegada Titular, Maria Elizabeth do Rêgo Barreto. Sem a presença de uma delegada especializada na área ambiental e exclusiva e contando com apenas um único escrivão, o poder de resposta do DEPOMA ficará seriamente comprometido, afirmam especialistas ouvidos, em reserva, pelo Blog. 

O meio ambiente, em sua expressão mais ampla, será inequivocamente prejudicado com a perda da capacidade operacional da DEPOMA. Isso significa um retrocesso na política ambiental de Pernambuco, que vai na contramão dos anseios mundiais por um meio ambiente harmônico e equilibrado e contradiz as recentes declarações do próprio Governador de Pernambuco, na ONU, reproduzidas por este em sua conta no Instagram, onde afirma que está em Nova York apresentando "as ações que estamos realizando em Pernambuco e no Nordeste com esse objetivo, destacando o nosso compromisso com iniciativas inovadoras que dialogam com a preservação dos diferentes biomas e contribuem para o desenvolvimento sustentável." 


Ao mesmo tempo em que sucateia a Delegacia do Meio Ambiente, o governador declara no seu Instagram que o "mundo precisa se reinventar e encontrar novos rumos, e nós queremos fazer parte desta caminhada. Estamos dispostos a dedicar esforços, estudos e experiência para reverter os processos destrutivos, construir alternativas renováveis, proteger e conviver de forma saudável com os recursos naturais. Não existe outra opção!  Isso não se efetiva sem uma política clara e uma ação contundente, a favor de um meio-ambiente protegido, respeitado, com o qual a gente convive numa troca positiva, jamais na exploração, agressão, destruição."


É espantoso que o mesmo gestor que afirma na ONU que "Não há como desconhecer os efeitos que uma ação irresponsável, degradadora, pode causar sobre o mundo em que vivemos. Pernambuco tem fortalecido as estruturas públicas ligadas à área ambiental", seja aquele que por uma canetada de um dos seus secretários aja concretamente na contramão de suas próprias declarações para a comunidade internacional, sucateando deliberadamente a única Delegacia especializada na defesa do Meio Ambiente do Estado por ele governado deixando essa especializada sem titular e com equipe ainda mais deficitária do que antes.



O Blog ouviu o ativista e protetor da causa animal, em Pernambuco, Douglas Brito, para quem "ativistas e protetores da causa animal em Pernambuco estão sem representação diante da saída da Delegada. Um verdadeiro desmonte em uma única delegacia do estado que trata diretamente questões ligadas aos maus tratos, e meio ambiente. Prova do total descaso com o meio ambiente em um momento em que o mundo inteiro discute soluções."

Ativistas e Protetores prometem um Ato, nesta quinta-feira (26) em frente à Delegacia, localizada na Estrada Velha de Água Fria, 1420, às 9h, para protestar contra esse desatino do governo Paulo Câmara.

Douglas Brito lembra que "são recorrentes os casos de maus tratos em todo o Estado e a maior prejudicada é a população que precisa recorrer ao DEPOMA diariamente para registrar suas denúncias e ter seus casos acompanhados por um titular responsável."

Os ativistas pedem a revogação de tal portaria de maneira imediata ao Secretário de Defesa Civil Antônio De Pádua Vieira Cavalcanti até que seja nomeado um Delegado ou Delegada Titular para o cargo.

* O Blog está à disposição de todas as pessoas, órgãos e entidades citadas na matéria para publicar eventuais esclarecimentos que entendam pertinentes por meio do e-mail blogdanoeliabrito@gmail.com e do WhatsApp (81) 986520333

MAIS VISITADAS DO MÊS

SDS transfere delegado de Arcoverde que prendeu filho da presidente da Câmara por série de homicídios e população se revolta. Vereadora é do Partido do Governador

PF deflagra Operação contra empréstmos fraudulentos de R$ 8,5 milhões no BNB em Pernambuco. Empresário e bancário estão foragidos da Justiça

Sai PSB e entra PSL no comando do Diário de Pernambuco comprado por bolsonarista que chamou jornalistas de mentirosos e depois apagou o Twit

STJ MANDA INQUÉRITO CONTRA PAULO CÂMARA E GERALDO JULIO, POR SUPOSTOS CRIMES NA LICITAÇÃO DA ARENA PERNAMBUCO, PARA VARA DOS CRIMES CONTRA A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NO RECIFE

"Lá no apartamento de Fernandinho...ali eu tenho acesso, toda hora, todo instante". Leia trechos da degravação da conversa entre agiota do jatinho e operador dos Bezerra Coelho revelada em primeira mão pelo Blog