Sai PSB e entra PSL no comando do Diário de Pernambuco comprado por bolsonarista que chamou jornalistas de mentirosos e depois apagou o Twit

Novo dono do Diário e ligado a Luciano Bivar, presidente do PSL

Em nota divulgada há pouco no site do Diário de Pernambuco, os empresários Maurício e Alexandre Rands confirmaram a venda do controle acionário do Diário de Pernambuco, do Aqui Pernambuco e das rádios Clube AM e FM.

Apesar de não mencionarem na Nota, desde cedo se especulava que os veículos teriam sido comprados pelo advogado bolsonarista Carlos Frederico de Albuquerque Vital, que é ligado ao presidente nacional do PSL, o também empresário e deputado federal Luciano Bivar.

Uma outra nota, publicada em nome dos veículos vendidos, mas assinada por Carlos Frederico, chega a afirmar "Que a nova diretoria a ser instalada reafirma seu compromisso com a verdade da informação e sua total isenção politica ou partidária na linha editorial de seus veículos de comunicação", entretando, em seu Twitter, cuja conta foi apagada tão logo começaram a circular as notícias da compra do Diário, o advogado apresentava inúmeras postagens de apologia ao valores bolsonaristas chegando a acusar que "muitos jornalistas não têm compromisso com a verdade."


A compra do Diário por bolsonaristas foi comemorada pelo guru da família Bolsonaro pelo Twitter: "ISTO é urgente: tirar a mídia dad mãos dos comunoglobalistas", disse Olavo ao compartilhar uma materia do site Portal de Prefeitura que noticiava que o Diário passara para as mãos de bolsonarista.




SEGUEM AS NOTAS:

"Nós, da presidência atual do Diario de Pernambuco, que somos responsáveis pelos jornais Diario de Pernambuco e Aqui PE, além de seus portais na internet, e pelas rádios Clube AM e FM, viemos comunicar a venda de nossa participação e controle nesse grupo de comunicação. Assumimos esse desafio junto a tais veículos de comunicação por entender que jornais e rádios são instrumentos fundamentais para a construção de uma sociedade melhor, fortalecendo a democracia e contribuindo para o amadurecimento das concepções sociais através de debate e difusão de ideias.

Infelizmente, as diversas fragilidades financeiras de uma empresa com o histórico existente nos impediram de prosperar da forma que gostaríamos e que esses meios de comunicação merecem. Estamos confiantes de que esta é a decisão mais acertada para o futuro do Diario e das rádios Clube. Esses veículos representam patrimônios importantes do povo pernambucano e por tal merecem superar as atuais dificuldades. Os novos controladores seguramente terão melhores condições de conduzi-los em tal jornada.

Gostaríamos de finalizar fazendo um agradecimento especial aos nossos funcionários e ex- funcionários, por toda a dedicação e apoio que nos deram ao longo dos últimos quatro anos. Agradecemos também aos leitores e aos parceiros comerciais que estiveram juntos conosco nessa caminhada. Desejamos sucesso aos novos controladores.

Obrigado,

Alexandre Rands e Maurício Rands"


"Diante de recentes fatos e notícias que vêm circulando, especialmente em blogs e redes sociais, o Diario de Pernambuco, o Aqui PE, o portal Pernambuco.com, a Rádio Clube AM e a Rádio Clube FM esclarecem:

• Que as negociações para a aquisição das cotas pertencentes ao Grupo R2 foram finalizadas, estando neste momento em transição de gestão.

• Que esse processo em nada altera o funcionamento das empresas supracitadas e seus respectivos produtos de mídia e publicações.

• Que a nova diretoria a ser instalada reafirma seu compromisso com a verdade da informação e sua total isenção politica ou partidária na linha editorial de seus veículos de comunicação.

• Que essa transação parte do esforço de empreendedores pernambucanos e visa, acima de tudo, a preservação e continuidade de um dos grandes e mais respeitados patrimônios da indústria da comunicação do Brasil.


Carlos Frederico de Albuquerque Vital"



MAIS VISITADAS DO MÊS

PF flagrou 114 contatos telefônicos entre desembargadora afastada e traficante de drogas e assaltante de carro-forte

STF afasta Conselheiro do TCM-BA por propina de R$ 25 milhões exigida quando era ministro das Cidades

STF derruba sigilo de gastos da Presidência e Bolsonaro terá que mostrar faturas milionárias do cartão corporativo

Cabos da PM/PE denunciam que governo de Pernambuco só promove oficiais: "Quanta injustiça numa única corporação!"

Auditoria do TCE/PE constatou fraude fiscal, sonegação fiscal, superfaturamento, não prestação dos serviços em contrato de mais de R$ 16,7 milhões da ALEPE. Com a palavra o MPPE, o MPF, a Receita Federal e a Polícia Federal