Líder do PSL diz que Bolsonaro desmerece o prato que comeu



O Antagonista ouviu do líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir, que "a gente não pode desmerecer o prato que comeu. Se o nosso presidente está hoje no Palácio do Planalto, ele tinha que ter uma sigla e essa sigla foi o PSL. Você não pode bater em pai e mãe, né? O nascimento do presidente… todos nós dependemos do partido. Gratidão é uma palavra mágica. Gratidão e lealdade.”

O deputado também afirmou que o presidente precisa “dar detalhes” de sua declaração.

“Quem tem que dar detalhes sobre isso é o presidente. O presidente precisa esclarecer. Se tem fatos que ele sabe, que eu não sei, que você não sebe, que o cidadão não sabe, ele tem que trazer a público.”

Bolsonaro se deixou gravar na manhã de hoje mandando um pré-candidato a vereador do Recife esquecer o PSL porque o partido e seu presidente, Luciano Bivar estariam "queimados".

MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos