Bradesco ganhou Folha de Pagamento da Paraíba após ceder a extorsão milionária de Ricardo Coutinho, conta delator



O delator Ivan Burity reportou ao Ministério Público da Paraíba que a mando de Ricardo Coutinho, exigiu, juntamente com a também drlatora e ex-secretária de Administração e ex-Procuradora Geral da Paraíba, Livania, que poBradesco e a Alpargatas realizassem doações milionárias para cobrir rombos da campanha à reeleição de Ricardo Coutinho, do PSB, mediante ameaças de retaliações nos negócios que essas empresas mantinham com a Paraíba.

À Alpargatas, a ameaça era de corte de benefícios fiscais, já ao Bradesco, a ameaça era de embaraços nos empréstimos consignados de servidores.

Segundo o delator, ao ver as doações milionárias do Bradesco e da Alpargatas ao opositor Cassio Cunha Lima, do PSDB, Coutinho resolveu fazer as exigências.

Ainda segundo o delator, as empresas cederam à extorsão e depois disso o Bradesco ainda ganhou o direito de gerir a Folha de Pagamento do Estado da Paraíba.

Leiam a íntegra do depoimento:



MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos