Não é só o PSB que está incomodado com Patrícia Domingos, fundada por um estelionatário e ligada ao Coronel Meira, Direita Pernambuco também mostra suas garras


Bolsonaristas questionam delegada Patrícia sobre voto de outro bolsonarista. Oi?

Apesar de ter sido fundada por um estelionatário que chegou a ser preso pela Polícia Civil, o ajuntamento denominado Direita Pernambuco, achou de questionar a delegada Patrícia Domingos, sobre o voto que o presidente do Podemos, em Pernambuco, deu a favor de um deputado corrupto, no mesmo dia da filiação da delegada e do anúncio de sua candidatura à Prefeitura do Recife. Os bolsonaristas, convenientemente, esqueceram de questionar o voto a quem realmente deve explicações que é o próprio Ricardo Teobaldo, que, não por acaso, é também um bolsonarista a exemplo do tal Direita Pernambuco.

O Direita Pernambuco nunca moveu uma palha contra a corrupção, mas gosta de ameaçar quem a combate, como provamos em postagem aqui mesmo do Blog. Confiram em Direita Pernambuco, fundada por estelionatário preso pela Polícia Civil, manda nota repudiando ações do fundador e ameaçando imprensa livre por divulgar vínculos entre ambos. Leiam a Nota


A resposta da delegada foi a óbvia, já que, de fato, em todos os Partidos há pessoas sendo investigadas ou respondendo a processos ou votando de forma incoerente com as próprias bandeiras e, infelizmente, o fato da legislação proibir que sejam lançadas candidaturas avulsas, obriga quem quiser concorrer a algum cargo eletivo, a se filiar a algum Partido Politico, submetendo os postulantes, muitas vezes, à convivência com pessoas nem sempre compatíveis com suas ideias e posturas.

Partidos são retratos da sociedade. Se a sociedade é conposta de uma diversidade, nos Partidos não é diferente e a maior prova disso são as verdadeiras guerras internas que são travadas pelos integrantes das legendas fazendo com que, por vezes, seu pior inimigo esteja militando ali mesmo, bem do seu lado e sob o abrigo da mesma agremiação partidária.

O Direita Pernambuco é ligado ao polêmico coronel Meira, autor de dossiês contra ex-aliados (cuidado com o que você conta ao Coronel Meira).

Dono do Direita Pernambuco, Meira já foi aliado de Luciano Bivar e segundo a Revista Veja, foi autor, junto com Gilson Machado, presidente da EMBRATUR, de dossiês contra o ex-amigo.

Meira também é homem de confiança de Jorge Alexandre, ex-prefeito de Camaragibe, de quem foi secretário e que foi alvo da Operação Black List da PF, por ďesvios de mais de R$ 100 milhões em medicamentos, mas apesar disso, seu ajuntamento resolveu cobrar logo da delegada Patricia, uma coerência que ele mesmo não tem. Aliás, sobre a pasagem de Meira por Camaragibe, todos se lembram de áudios atribuídos a ele, em conversas com uma advogada, onde são mencionadas gravações comprometedoras contra aliados do prefeito e contra desafetos. Relembrem o caso da Black List: PF deflagra ação contra fraude em comércio de remédio em Camaragibe

Meira transferiu o título para o Recife e quer ser candidato a Prefeitura pelo Aliança de Bolsonaro, partido do qual é fundador junto com Gilson Machado e pelo visto já escolheu como alvo a Delegada, enquanto o PSB dá boas gargalhadas das fanfarronices do ex-Diretor Geral de Operações da PM de Pernambuco, na primeira gestão Eduardo Campos, em 2007, a quem o PSB conhece muito bem, pois já o teve como aliado em cargo comissionado.

A política pernambucana se supera a cada dia pela podridão. 

Acompanhe a polêmica que foi publicizada pela própria delegada em seu Instagram.

Pelo visto, a tal Direita Pernambuco está bem disposta a ajudar o PSB a se manter no comando do Castelo de Farinha onde reina a familiocracia pernambucana.




MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos