Policiais Civis decidirão, na próxima terça-feira, 18, em frente ao Palácio, se entrarão em greve durante o Carnaval de Pernambuco


Em assembleia reizada ontem, 13, diante da falta de propostas concretas por parte da gestão estadual e dos vários prejuízos a que a categoria vem sendo submetida, inclusive com perdas salariais, os pilociais civis de Pernambuco decidiramo endurecer suas ações.
Foi deliberada, pela assembleia, a intensificação da operação padrão e a entrega do Programa de Jornada Extra de Segurança (PJES) em abril. Além disso, na próxima terça-feira (18), a categoria decidiu fazer uma grande passeata que sairá do Sinpol, às 10h, e seguirá até o palácio do governo, onde acontecerá uma nova assembleia para deliberar sobre a paralisação dos policiais Civis durante o carnaval.

Nos próximos dias a diretoria do Sinpol seguirá mobilizando a categoria diariamente e dando suporte para que os Policiais não sofram pressões por estarem integrando o movimento reivindicatório. Rrepresentantes dos policiais militares participaram da Assembleia e manifestaram apoio à luta dos Policiais Civis e anunciaram que estão trabalhando junto ao Sinpol para tentar estabelecer um movimento conjunto com a PM, como tem acontecido em vários estados vizinhos.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Certidão de Óbito autenticada pelo TJPE atesta morte de morador de Prazeres, em Jaboatão, Pernambuco, por coronavírus, mas SES não o inclui nas estatísticas. Secretaria silencia sobre o caso

URGENTE! Governo de Pernambuco estaria escondendo duas mortes por coronavírus. Denúncia é de policiais civis que trabalham no IML que não teriam equipamentos adequados para autópsia

Pacto Pela Morte: Delegados denunciam ordem do Governo Paulo Câmara que facilita prescrição de crimes, principalmente de homicídios, inclusive com ameaças de perseguições contra quem não aceitar prevaricar

Empresário que escapou de quarentena e levou covid-19 para sul da BA é filho de uma desembargadora do TJ/CE, ex-conselheira do CNJ

Direita já se organiza para derrubar Bolsonaro, o louco. Frota protocola impeachment e Janaina decreta: "esse senhor tem que sair"