Covarde e machista, Bolsonaro só ataca jornalistas mulheres



A covardia de Jair Bolsonaro não é novidade para ninguém. Consta até que durante um assalto no Rio de Janeiro, o então deputado teria se urinado de medo chegando a entregar a pistola que carregava com ele aos assaltantes. O fato foi relembrado em entrevista ao Roda Viva, quando Bolsonaro revelou todo faceiro que logo depois o assaltante apareceu morto enforcado com a própria camisa numa cela.

Mas chama atenção o fato de que seus ataques raivosos só são direcionados contra jornalistas mulheres, contra as quais o presidente não poupa infâmias e impropérios, instigando seu exército de celerados contra as profissionais da imprensa, inclusive com a sexualização dos ataques, quando afirmou que a jornalista Patricia Campos Mello teria dado "o furo" para obter informações de uma fonte.

Quem acompanhesse apenas as declarações odientas de Boldonaro poderia até pensar que só as mulheres fazem matérias críticas contra Bolsonaro, mas não é o caso, a situação é de machismo e ódio mesmo às mulheres.

Durante a coletiva dada agora a tarde ao lado de seus ministros, Bolsonaro não perdeu a oportunidade de ofender Vera Magalhães, a mais nova vítima da personalidade sociopata do ainda presidente do Brasil.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Certidão de Óbito autenticada pelo TJPE atesta morte de morador de Prazeres, em Jaboatão, Pernambuco, por coronavírus, mas SES não o inclui nas estatísticas. Secretaria silencia sobre o caso

URGENTE! Governo de Pernambuco estaria escondendo duas mortes por coronavírus. Denúncia é de policiais civis que trabalham no IML que não teriam equipamentos adequados para autópsia

Pacto Pela Morte: Delegados denunciam ordem do Governo Paulo Câmara que facilita prescrição de crimes, principalmente de homicídios, inclusive com ameaças de perseguições contra quem não aceitar prevaricar

Empresário que escapou de quarentena e levou covid-19 para sul da BA é filho de uma desembargadora do TJ/CE, ex-conselheira do CNJ

Direita já se organiza para derrubar Bolsonaro, o louco. Frota protocola impeachment e Janaina decreta: "esse senhor tem que sair"