Governo de Pernambuco informa que encaminhou EPIs para profissionais de saúde que atuam no Oswaldo Cruz, onde paciente foi a óbito em decorrência do coronavírus

Foto ilustrativa

Alvo de várias ações judiciais de entidades sindicais por deixar faltar equipamentos de proteção individual contra contaminação por doenças infecto-contagiosas, o governo de Pernqmbuco divulgou, há pouco, por suas Redes Sociais que "encaminhou, para o Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para serem utilizados pelos profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate ao Novo Coronavírus. O lote entregue contém máscaras, luvas, avental, toucas, entre outros itens. Os insumos irão garantir a qualidade dos atendimentos e a proteção dos servidores." 

O Governo informa, ainda, que "também irá reforçar o quadro funcional do hospital, contratando por seleção simplificada profissionais para suprir as necessidades dos 68 leitos de UTI e dos mais de 100 leitos que estão sendo montados para enfrentar a Covid-19."

O primeiro óbito por coronavírus divulgado pelo governo de Pernambuco ocorreu justamente no HUOC. Até o momento, de acordo com os registros oficiais, houve três óbitos por coronavírus em Pernambuco. Um no HUOC, integrante da rede pública e dois do Hospital Português, da rede hospitalar privada.

MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos