Jurista Ives Gandra Martins está internado com coronavírus em São Paulo


Do Conjur

O jurista Ives Gandra Martins, 85, contraiu coronavírus. Ele está internado no hospital Sírio Libanês, onde se encontra desde fevereiro, recuperando-se de complicações depois de uma cirurgia. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

A cirurgia havia sido no esôfago — para se curar de um refluxo —, mas, depois do procedimento, ele teve uma isquemia seguida de uma septicemia. Ficou em coma por cinco dias, na UTI. De volta para o quarto, estava fazendo fisioterapia e recuperando os movimentos.

Ao jornal, afirmou: "Comecei a andar novamente, pouco a pouco, com alguma dificuldade. Aí peguei o coronavírus".

Segundo disse o jurista à Folha, os sintomas apareceram na última quinta-feira (26/3), quanto teve febre. Fez o teste, que confirmou a suspeita de que estava com Covid-19.

Gandra Martins estava sendo tratado pelos médicos David Uip e Raul Cutait, que também contraíram o novo coronavírus. Por isso, agora é acompanhado pelas equipes dos dois especialistas.

Conselho de um jurista
"Eu pessoalmente estou muito bem, sem tosse e sem outros sintomas", disse Martins. Mas afirma estar preocupado com o país e diz acreditar que a equipe do presidente Jair Bolsonaro está conduzindo bem a situação.

Já o presidente, segundo Gandra Martins, deveria evitar disputas políticas neste momento. "Não vale a pena ele entrar em batalhas com os governadores, com a imprensa, batalhas que não pode ganhar", diz. "Ele tem que comandar a sua equipe, que está indo muito bem", segue. "É um conselho de um velho jurista", completa.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos