Notícia sobre assaltos praticados por bandidos disfarçados de agentes de combate ao coronavírus no Recife é fake. Policia Civil de Pernambuco não tem registro de nenhum caso.



O perfil "naofoinorecife", que no Instagram se dedica a combater fakenews sobre supostas ocorrências na Capital pernambucana alerta que "Não tem bandidos se passando por enfermeiros de teste do corona vírus pra roubar condomínios no Recife!! Esse foi um caso no qual a notícia foi importada e transformada em fato local, causando mais medo que prevenção. Na Espanha ocorreram casos, e foi insinuação a possibilidade de ocorrer em alguns locais de Portugal (vide notícia abaixo), e pelo whatsapp foram requentando a história até aparecer por aqui. Administradoras de Condomínios, na tentativa de evitar situações, soltaram notas preventivas que mais serviram pra assustar e confirmar o que não aconteceu, e outras pessoas utilizaram nomes de administradoras para confirmar fatos não ocorridos. Então é o seguinte: a) não aconteceu nada desse tipo por aqui; b) os hospitais não adotam procedimento de exame em residência; c) em vez de assustar todo mundo, os condomínios tem que adotar procedimentos de identificação pra todos os dias e todos os tipos de visita. Esse é o link da notícia real: 


O Blog da Noelia Brito entrou em contato com a assessoria de imprensa da Polícia Civil de Pernambuco que também confirmou tratar-se de uma fakenews: "A Polícia Civil de Pernambuco informa que não há nenhum caso com as características informadas."

MAIS VISITADAS DO MÊS

Exclusivo: Polícia Civil de Pernambuco prende maior estelionatário do Nordeste. Hacker, que estava foragido, foi preso pela Delegacia do Cordeirro. Golpes ultrapassam a casa dos R$ 100 milhões

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Exclusivo: Saiba quem são todos os 41 alvos das Operações Casa de Papel e Antídoto, deflagradas hoje, pela PF, e que também teve como alvos as Prefeituras do Recife, do Cano, de Paulista e de Olinda

Advogado dos Bolsonaro, Wasef, teve pedido de prisão em inquérito que investigou seita satanista suspeita de matar crianças em rituais. Seita tinha integrantes também em Pernambuco

DRACCO faz operação contra Sebastião Figueroa, maior fornecedor de produtos gráficos para políticos e governos em Pernambuco. Veja as imagens exclusivas do Blog da Noelia Brito