Sentiu o golpe: visivelmente abatido, Bolsonaro convoca panelaço a seu favor para se contrapor a panelaço "fora Bolsonaro"



Com aparência visivelmente abatida, que não pode ser atribuída ao coronavirus, já que apesar de 16 pessoas que estiveram com ele nos Estados Unidos estarem com Covid 19, Bolsonaro afirma não ter sido contaminado, o presidente aproveitou a coletiva concedida há pouco, ao lado de vários de seus ministros, para convocar seus apoiadores a fazerem um panelaço a seu favor logo após o panelaço convocado para as 20h30, contra a política nevasta e irresponsavel do presidente.

Ficou claro que Bolsonaro sentiu o impacto das manifestações de ontem quando, inesperadamente, foram registrados panelaços e gritos de "fora Bolsonaro", em bairros de classe média e classe média alta das principais cidades do País.

Os protestos foram registrados em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Distrito Federal, Fortaleza e Recife.

Bolsonaro por diversas vezes provocou a Rede Globo e a Revista Veja a divulgarem o suposto protesto a seu favor que até ser mencionado pelo próprio presidente, ninguém havia ouvido falar, ficando claro que está com medo do panelaço e da evidente queda de sua popularidade, principalmente depois de fazer pouco caso da pandemia de Coronavírus que está ceifando milhares de vida em todo o Planeta e tenta gerar um de seus costumeiros factoides para depois alegar pro gado que o segue cegamente que p panelaço contra era a seu favor. Psicopata perogosíssimo, esse Bolsonaro.

MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos