Wolney visita Ciro no mesmo dia em que Tulio condiciona candidatura a entrega de cargos pelos Queiroz, na Prefeitura do Recife e no Governo de Pernambuco


No mesmo momento em que Tulio Gadelha dava entrevista coletiva, no Recife, quando revelou ter condicionado a manutenção de sua pré-candidatura à Prefeitura do Recife anuma improvável entrega de todos os cargos que seu Partido, o PDT, mantém nas gestões do PSB pernambucano, o deputado federal e presidente estadual do Partido de Tulio postava foto, em Fortaleza, ao lado de Ciro Gomes, que era apontado como uma espécie de padrinho e fiador da candidatura de Gadelha.

Na postagem, feita no perfil de Wolney, no Instagram, o novo líder do PDT na Câmara dos Deputados e aliado de Paulo Câmara e Geraldo Júlio, em Pernambuco, fez questão de destacar que foi ao Ceará visitar Ciro Gomes para ouvir suas orientações e levar um chamado da bancada do PDT ao presidenciável do Partido, que desejariam, segundo Wolney, uma maior aproximação com Ciro.

"wolneyqueiroz 9/3- Na condição de novo líder da nossa bancada, vím ao Ceará fazer uma visita ao nosso presidente Ciro Gomes. Vim ouvir suas orientações e trazer um chamado dos nossos deputados, que desejam uma aproximação ainda maior com ele, sobretudo nesse momento de crise aguda que o Brasil enfrenta. Também deixei um abraço ao senador Cid Gomes, desejando uma breve recuperação e que com a maior brevidade ele possa estar de volta à trincheira. #CiroGomes #PDT #CidGomes #WolneyQueiroz".


A ida de Wolney ao Ceará no mesmo dia em que seu opositor nas disputas internas partidárias dá entrevista condicionando a continuidade de sua candidatura, no Recife, à entrega dos cargos pelo grupo dos Queiroz nas gestoes socialistas, coisa que obviamente não ocorrerá, parece ser mais uma manifestação de poder e influência interna dos politicos caruaruenses que dominam o partido no Estado há mais de vinte anos, além de deixar subentendido que a rifada da candidatura de Gadelha, para que o PDT apoie a candidatura de João Campos, do PSB, à Prefeitura da Capital, contou com o apoio do próprio Ciro Gomes, mais preocupado em consolidar o apoio do PSB à sua própria candidatura à sucessão de Bolsonaro.

Articulistas políticos têm noticiado sobre movimentações conjuntas do PDT,  com PSB, Rede e PC do B, no sentido de isolar o PT no Congresso e na formação de uma frente de esquerda para a próxima eleição presidencial, provavelmente a manobra no Recife já seja consequência da formação dessa frente.

O certo é que as condições impostas por Tulio à direção de seu partido, com a qual já se declarou magoado, nada mais são do que uma saída honrosa para o pedetista, já que é óbvio que os Queiroz, interessados em manter o apoio ao PSB, em Pernambuco, não entregarão os cargos. O resumo da ópera, portanto, do ponto de vista prático, é que o PDT não terá candidato.


MAIS VISITADAS DO MÊS

Exclusivo: Polícia Civil de Pernambuco prende maior estelionatário do Nordeste. Hacker, que estava foragido, foi preso pela Delegacia do Cordeirro. Golpes ultrapassam a casa dos R$ 100 milhões

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Exclusivo: Saiba quem são todos os 41 alvos das Operações Casa de Papel e Antídoto, deflagradas hoje, pela PF, e que também teve como alvos as Prefeituras do Recife, do Cano, de Paulista e de Olinda

Advogado dos Bolsonaro, Wasef, teve pedido de prisão em inquérito que investigou seita satanista suspeita de matar crianças em rituais. Seita tinha integrantes também em Pernambuco

DRACCO faz operação contra Sebastião Figueroa, maior fornecedor de produtos gráficos para políticos e governos em Pernambuco. Veja as imagens exclusivas do Blog da Noelia Brito