Bolsonaro exonera Valeixo à revelia de Moro. Aliados veem ação desesperada. Tendência é de saída de Moro do governo



O aviso dado, ontem, a Sergio Moro, de que exoneraria o braço direito do ministro da Justiça, dado por Jair Bolsonaro se concretizou na manhã de hoje com a publicação da exoneração de Maurício Valeixo no Diário oficial da União.



Após ser informado da decisão do presidente, Sergio Moro disse que se concretizada, o próprio Moro não contonuaria no cargo.

A exoneração, à revelia de Sergio Moro, a quem o entorno de Bolsonaro tentava convencer a permanecer no cargo, foi recebida com surpresa no Ministério da Justiça. A informação foi dada por assessores de Sergio Moro, há pouco, ao jornalista Valdo Cruslz, da Globonews. Moro esperava, segundo seus assessores, que a exoneração só saísse após a escolha do substituto. Os mesmos assessores revelaram a Valdo Cruz que a tendência é realmente a saída de Moro do Ministério.

Aliados ouvidos pela Globonews viram ato desesperado de Bolsonaro após o STF instaurar inquérito para apurar os atos de ataque às instituições que contaram com a presença do presidente e pelo avanço das investigações sobre a origem e o financiamento das chamadas milícias virtuais bolsonaristas, pois os dois inquéritos apontam para um dos filhos de Bolsonaro, o vereador Carlos Bolsonaro.

Na impensa, comentaristas veem intenção de aparelhamento da Polícia Federal, com a pretensão de Bolsonaro usar a instituição para proteger aliados e perseguir desafetos.

Associações de Policiais Federais veem com preocupação as movimentações de Bolsonaro para polarizar as ações da Polícia Federal, que teve independência para agir nos últimos governos.


MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos