Ex-policial civil acusado por tráfico é preso novamente após ser liberado em audiência de custódia


O ex-policial civil IVAN DEMOSTENES ARAUJO MACHADO foi preso e autuado em flagrante delito mais uma vez esta semana, acusado de tráfico de entorpecentes, após ser flagrado com quase 3 kg de cocaína.

Ivanzinho do ferro-velho, como é mais conhecido, já havia sido autuado em flagrante pela policia federal em abril do ano passado, após demorada investigação, mas foi logo solto em audiência de custódia no dia seguinte (veja matéria aqui PF prende ex-policial e segurança que vendem cocaína para produtores de eventos de classe média e alta do Recife).  

Desta vez, segundo o BO n° 20E0109002187, da 19ª. Circunscrição Policial da Polícia Civil de Pernambuco, policiais militares em ronda abordaram a pessoa de ANTÔNIO JOSÉ DE BARROS na Av. Bernardo Vieira de Melo, em Jaboatão dos Guararapes, e encontraram com o mesmo uma pequena quantidade de cocaína, a qual ele afirmou ser para uso próprio e que havia adquirido de um traficante em Aldeia.

Com essa informação os PMs do 6° BPM/PMPE seguiram para o local indicado e lá encontraram Ivan Demostenes, com o qual foi descoberta a quantidade de 2,9 kg (dois quilos e novecentos gramas) de cocaína, duas balanças, além da importância de R$ 7.800,00 e inúmeros aparelhos de celular, bem como munição e vários relógios.

Apreendida a substancia entorpecente e demais objetos, os PMs apresentaram os detidos IVAN DEMOSTENES ARAUJO MACHADO e ANTÔNIO JOSÉ DE BARROS à autoridade policial da Delegacia de Prazeres, que autuou o primeiro por tráfico de entorpecentes e lavrou um TCO – Termo Circunstanciado contra o segundo, por posse de substancia entorpecente para uso próprio.

VIDA DE CRIMES – IVAN DEMOSTENES ARAUJO MACHADO é um velho conhecido na e da polícia civil de Pernambuco, onde exerceu o cargo de agente de polícia da antiga Secretaria de Segurança Pública e de onde foi demitido pelo seu envolvimento no mundo do crime, seja por tráfico de entorpecentes bem como por receptação de veículos roubados, daí seu apelido de Ivanzinho do Ferro Velho.

Por conta de seus envolvimentos com fatos criminosos, IVAN DEMONSTENES chegou a cumprir cerca de 9 anos de prisão, no antigo Presídio Aníbal Bruno, mas os fatos recentes indicam que o mesmo não abandonou a vida de crimes.

Após audiência de custódia virtual, Ivanzinho do Ferro Velho teve a sua prisão em flagrante convertida em preventiva e foi encaminhado ao COTEL. 

MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos