Flagrada em dispensa de licitação ilegal, PCR agora diz que vai fazer licitação para comprar celulares desnecessários



Estranho é que a mesma prefeitura do Recife suspendeu os contratos de 90% dos terceirizados, supostamente para economizar, mas tem recursos para gastar com coisas desnecessárias, como esses celulares.

A gestão Geraldo Julio acaba de anunciar que vai realizar a licitação dos aparelhos celulares adquiridos, sem licitação, a uma locadora de veículos e máquinas que tem como sócios empresários já condenados por sonegação fiscal.

A decisão veio a público depois do caso ganhar repercussão nacional e de uma cautelar do TCE mandando suspender a contratação face à ilegalidade da dispensa.

O fato é que dispensar licitação fora das hipóteses legais é crime e a dispensa já estava na mira do MPPE.

Apesar de dizer que segue uma mera sugestão do TCE, a verdade é que a Prefeitura do Recife se rendeu a uma determinação, a uma ordem para suspender e não a uma simples sugestão, sem falar que a compra, por escandalosa, ganhou as páginas de sites nacionais.

Mas é bom o Ministério Público de Contas, que pediu a cautelar e conseguiu barrar a dispensa, fique atento, pois segundo nossas fontes, a gestão trama adquirir mais dez mil celulares para distribuir entre crianças de 5 a 8 anos e também usou dispensa de licitação para adquirir pacotes de 4G à Claro para esses celulares.

É possível que essa decisão de comprar os celulares por licitação tenha por trás a decisão de ampliar os gastos com algo desnecessario em plena pandemia.

Se essa compra de mais dez mil celulares se concretizar, o absurdo gasto de R$ 1,6 milhão poderá chegar a R$ 8 milhões.

Estranho é que a mesma prefeitura do Recife suspendeu os contratos de 90% dos terceirizados, supostamente para economizar, mas tem recursos para gastar com coisas desnecessárias, como esses celulares.

Leiam a Nota da íntegra

*NOTA* A Prefeitura do Recife informa que vai realizar a licitação dos aparelhos como sugerido pelo TCE-PE, que na decisão do conselheiro Valdeci Pacoal reconhece a necessidade, legitimidade e interesse público da contratação: "Há manifesto consenso de que o gestor deve envidar todos os esforços para propiciar a alunos e professores acesso a plataformas de ensino à distância". A compra em regime de urgência será revogada. Com isso, o programa de EAD para que, com a paralisação das aulas por causa da pandemia, os 2.500 alunos do 9⁰ ano da rede pública municipal recebessem conteúdo pedagógico - como está acontecendo neste momento em todo o mundo - está suspensa. As aulas de EAD seriam iniciadas na próxima terça (28).


MAIS VISITADAS DO MÊS

São dois, os Secretários de Geraldo Julio, presos pela Polícia Federal, ontem, por desvios em obra da BR 101, ambos indicados por Sebastião Oliveira

Mãe "rica" da "Beira Mar" reclama de escola cearense que coloca seus filhos em aulas on line com crianças de "outro nível". Escola emite nota lamentando discriminação

Juiz faz Inspeção nas unidades de saúde para Covid-19, de Pernambuco, e oficia MPPE e MPF, para que investiguem possíveis crimes na ocorrência de óbitos por falta de UTIs no Estado que até hoje não explicou com o que gastou R$ 9,7 bilhões recebidos do SUS e repassados a OSs

Respiradores comprados pela Prefeitura do Recife a empresa veterinária só foram testados em porcos. Confiram os vídeos

Exclusivo: Deputado Sebastião Oliveira, de Pernambuco foi alvo de buscas e apreensões da PF na Operação Outline. Dois ex-servidores do DER foram presos na manhã de hoje