Grupo Mulheres do Bem arrecada R$ 200 mil em 15 dias em doações para ajudar instituições de Pernambuco durante a pandemia. Saiba como colaborar também

De acordo com a designer de joias e líder do grupo, Márcia Logman, o grupo surgiu após o Papa Francisco fazer uma reflexão.

Em 15 dias, o grupo arrecadou mais de R$ 200 mil e beneficiou 15 instituições 

Se a pandemia do novo coronavírus espalhou medo na população, também despertou um grande sentimento nas pessoas: a solidariedade. 

Com o pensamento de ajudar o próximo, mais de 250 mulheres se uniram para beneficiar instituições de Pernambuco na luta contra o Covid-19. 

De acordo com a designer de joias e líder do grupo, Márcia Logman, o grupo surgiu após o Papa Francisco fazer uma reflexão. Em seu pronunciamento, o Papa disse que: "Estamos todos no mesmo barco". “Depois disso, fiquei pensando no que poderia fazer para ajudar várias pessoas. Resolvi criar um grupo de WhatsApp com amigas e clientes. Foi aí que surgiu o grupo Mulheres do Bem. Em 15 dias já arrecadamos mais de 200 mil e ajudamos 15 instituições”, explicou Márcia. 

A escolha dos institutos que serão beneficiadas acontece todos os dias. No grupo, são repassadas informações como a história delas e o que mais precisam. “Eu sinto uma sensação maravilhosa em poder ajudar a quem mais precisa nessa fase tão difícil que estamos vivendo. Vejo o grupo como uma corrente do bem que tem crescido a cada dia. Penso que se cada um puder fazer o bem ao próximo, teremos uma vida melhor. Tanto para quem doa e, principalmente, para quem recebe.” comentou Carol da Fonte, diretora operacional do Grau Técnico e integrante do grupo Mulheres do Bem. 

As doações podem ser feitas de duas maneiras: de forma voluntária ou adquirindo algum serviço ou produto doado por parceiros. Em ambas as formas, todo o dinheiro arrecadado é depositado na conta da instituição. “Todo mundo pode fazer a diferença. Não precisa ser uma ONG. Sempre tem pessoas em situações menos favorecidas que a nossa. Então, vamos ajudar!”, disse Márcia Logman. 

Para mais informações, acesse @mulheres_dobem

MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos