Aplicativo do MPPE calcula e alerta risco de contaminação para o cidadão


Desde a última quinta-feira a população conta com mais uma solução no combate ao novo coronavírus, o Dycovid - Dynamic Contact Tracing. A aplicação, que já pode ser baixada em celulares Android e em breve na loja da Apple, realiza o mapeamento do risco de contaminação por meio da identificação de proximidade entre os celulares das pessoas de forma totalmente anônima e com garantia total de privacidade, levando em consideração a duração desse encontro. O APP foi desenvolvido durante o Desafio Covid-19 - iniciativa de inovação aberta do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), do Porto Digital e da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE), que apoia o desenvolvimento de tecnologias para o combate à pandemia do novo coronavírus.

O Dycovid - Dynamic Contact Tracing é uma solução que realiza contact tracing de forma digital e anônima a partir de um aplicativo instalado no celular dos cidadãos. Ele permite identificar o fluxo de contaminação do Covid-19, mapeando de forma automatizada como o vírus está passando de pessoa para pessoa. Os principais benefícios são: interromper a transmissão contínua e reduzir a propagação de uma infecção; alertar os contatos sobre a possibilidade de infecção e oferecer aconselhamento preventivo ou cuidados profiláticos; oferecer diagnóstico, aconselhamento e tratamento a indivíduos já infectados; e aprender sobre a epidemiologia de uma doença em uma população específica.

Para acessar o APP pelo computador: play.google.com/dycovid

Para baixar o APP pelo celular: play.google.com/dycovid

O Dycovid - Dynamic Contact Tracing é uma das soluções criadas no Desafio Covid-19, que ainda conta com outras sete iniciativas para ajudar no enfrentamento aos efeitos da pandemia em Pernambuco - com possibilidade de expandir a atuação para outros estados e até mesmo para fora do País.

“A partir do momento que o usuário é sinalizado como portador do novo coronavírus, nós espalhamos para o grupo de pessoas que tiveram contato com ele um alerta sobre o seu risco de contaminação, com dicas de prevenção e, futuramente, necessidade de realização de testes.” disse Matheus Rodrigues, um dos desenvolvedores da ferramenta. Além de acompanhar o seu nível de risco, o usuário tem acesso à um Guia customizável com informações sobre o coronavírus, que é possível compartilhar com amigos e familiares. “O Guia, por exemplo, se adapta ao risco que o usuário está passando.” completou Rodrigues. 

“Com o apoio das Secretarias de Saúde de cada Estado e com os dados gerados pela geolocalização dos usuários do aplicativo, o Dycovid - Dynamic Contact Tracing é capaz de inferir esse risco de contaminação dos usuários. São utilizados modelos matemático-computacionais para estimar de forma qualitativa o risco de contatos e de locais como supermercados, farmácias, postos de saúde e hospitais. Através de um mapa de risco o usuário poderá ter um panorama geral do risco encontrado em diversas regiões do país.”, reforçou Rodrigues.

O cidadão pode, ainda, participar de um Quiz em que testa seu nível de conhecimento sobre o novo coronavírus, podendo dirimir dúvidas acerca das fakenews que são espalhadas. Para ter mais informações sobre a aplicação, o cidadão pode seguir os perfis no Instagram e no Twitter (@dycovid), onde são disponibilizadas as últimas notícias sobre o projeto.

A startup Mamba Labs, responsável pela criação da aplicação Dycovid - Dynamic Contact Tracing, é voltada para o desenvolvimento de soluções envolvendo tecnologias nos ramos de inteligência artificial, processamento de dados, realidade aumentada e aplicações comerciais. Para a realização deste projeto, contou com a equipe de desenvolvedores formada por Ericka Pricila, Lucas Marsol, Matheus Demiro, Matheus Henrique, Nicollas Bastos e Matheus Rodrigues. O projeto conta com apoio da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) por meio de professores ativos no projeto: Rodrigo Assad, Cleviton Monteiro, Gabriel Alves, Cícero Garrozi; e consultoria dos professores: Elizabeth Tscha e Rinaldo Lima.


"O ecossistema de inovação do Porto Digital tem um papel muito importante nesse enfrentamento à Covid-19, com colaboração de startups, empresas, pesquisadores e entidades para pensar e criar soluções para passarmos por esse momento. O Dycovid - Dynamic Contact Tracing, fruto do Desafio Covid-19, é uma dessas ferramentas tecnológicas para auxiliar a sociedade pernambucana - e até de outros estados ou mesmo países - com uso de tecnologia para proteger as pessoas e garantir o bem-estar da população", disse o presidente do Porto Digital, Pierre Lucena.

“A tecnologia é a nossa grande aliada no combate à propagação do novo coronavírus. Com essas soluções vamos atuar em diversos campos como a identificação de pessoas que podem ter entrado em contato com uma pessoa infectada, o acompanhamento das pessoas que estão nos grupos de risco, via mobile, o acompanhamento do isolamento social necessário para evitar o contágio, a realização de testes e mesmo o apoio técnico e suporte aos agentes de saúde”, destacou o procurador-geral de Justiça de Pernambuco (PGJ-PE), Francisco Dirceu Barros.

SAÚDE - Evitar aglomerações é uma das medidas preventivas de maior eficácia no combate ao novo coronavírus (Covid-19). Essa recomendação ocorre porque a transmissão pelo vírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como espirro, tosse, gotículas de saliva, contato físico com pessoa infectada ou mesmo toque em objetos e superfícies contaminadas.

“A redução do contato físico é questão de primeira ordem quando o assunto é o novo coronavírus. Evitar as aglomerações e manter o isolamento é imprescindível para evitar o contágio e o contato com pessoas que possam estar contaminadas. A medida vale para cidadãos de qualquer faixa etária. Vale destacar que a recomendação é fundamental para pacientes com idade superior a 60 anos, já que constituem o grupo mais vulnerável. É uma recomendação para que eles se poupem e se protejam. A Covid-19 é uma doença que pode afetar gravemente essa população. Essa aplicação será muito útil para o cidadão e também para todos os profissionais de saúde”, destaca o secretário de saúde do Estado de Pernambuco, André Longo.

MAIS VISITADAS DO MÊS

São dois, os Secretários de Geraldo Julio, presos pela Polícia Federal, ontem, por desvios em obra da BR 101, ambos indicados por Sebastião Oliveira

Mãe "rica" da "Beira Mar" reclama de escola cearense que coloca seus filhos em aulas on line com crianças de "outro nível". Escola emite nota lamentando discriminação

Com Covid19, Sikêra Jr. chora ao vivo e alerta: "não façam como eu fiz. Não subestimem a doença"

Exclusivo: Deputado Sebastião Oliveira, de Pernambuco foi alvo de buscas e apreensões da PF na Operação Outline. Dois ex-servidores do DER foram presos na manhã de hoje

Com salário líquido de R$ 7,9 mil, Secretário de Geraldo Júlio, preso pela PF por desvios no DER, confessa prática de agiotagem e posse de R$ 1,4 milhão em dinheiro. Prefeitura silencia