Bem-te-vi doa 50 mil produtos ao movimento Corrente do Bem



A Bem-te-vi, marca da ASA Indústria e Comércio, doou 50 mil unidades de lava roupas ao movimento Corrente do Bem, uma iniciativa de empresários pernambucanos que se uniram para enfrentar os impactos sociais causados pelo novo coronavírus. Os produtos vão compor cestas básicas que serão entregues a famílias em estado de vulnerabilidade. 

O movimento é uma inciativa criada pela Construtora Viana e Moura, Grupo Moura, Grupo Cornélio Brennand e Ferreira Costa.  

A ação é coordenada pela ONG Novo Jeito e Transforma Brasil, a maior plataforma de voluntariado no país, e conta com a colaboração do Governo do Estado e das Prefeituras, por meio de suas redes de assistência social. 

O Exército se encarrega da logística de transporte das cestas que serão entregues às famílias carentes. Além do tradicional sabão em barra, a Bem-te-vi conta com sabão em pó, lava roupas líquido, e desinfetante. Presente em quase todas as regiões do Brasil, a ASA também é proprietária das marcas Palmeiron, Vitamilho, Bomilho, Invicto, Baby & Baby, Casa de Vinhas, Certo e Flamengo. Veja mais informações e receitas deliciosas no site: www.asanet.com.br

MAIS VISITADAS DO MÊS

São dois, os Secretários de Geraldo Julio, presos pela Polícia Federal, ontem, por desvios em obra da BR 101, ambos indicados por Sebastião Oliveira

Mãe "rica" da "Beira Mar" reclama de escola cearense que coloca seus filhos em aulas on line com crianças de "outro nível". Escola emite nota lamentando discriminação

Com Covid19, Sikêra Jr. chora ao vivo e alerta: "não façam como eu fiz. Não subestimem a doença"

Exclusivo: Deputado Sebastião Oliveira, de Pernambuco foi alvo de buscas e apreensões da PF na Operação Outline. Dois ex-servidores do DER foram presos na manhã de hoje

Com salário líquido de R$ 7,9 mil, Secretário de Geraldo Júlio, preso pela PF por desvios no DER, confessa prática de agiotagem e posse de R$ 1,4 milhão em dinheiro. Prefeitura silencia