Nabor Bulhões recusa defesa de Flávio Bolsonaro no "rachadinha gate"


O advogado Nabor Bulhões


Por Bela Megale
O advogado Nabor Bulhões recusou o convite para atuar na defesa do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) no caso Queiroz. O criminalista deu sua resposta a interlocutores do parlamentar e do próprio presidente Jair Bolsonaro no fim de semana.

Nabor justificou a decisão afirmando que o processo da “rachadinha” corre no Rio de Janeiro e que seria complicado um advogado de Brasília se dedicar ao caso como ele exige. O criminalista também destacou que está com a agenda tomada por ações em que já atua em tribunais superiores.

Aliados da família Bolsonaro ainda têm esperança que o advogado possa atuar na elaboração de pareceres no caso da rachadinha, mas Nabor não mostrou disposição para isso.

Como a coluna informou, antes Fabrício Queiroz ser preso, o criminalista que já atendeu Odebrecht, Collor e PC Farias já tinha sido convidado para atuar no caso defendendo Flávio. Após a prisão, o convite foi reforçado.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos