PF em Pernambuco faz buscas em empresa de exportação pernambucana, no bairro de Boa Viagem, alvo de Operação que apreendeu duas toneladas de cocaína no Porto de Ilhéus. Destino do pó era a Holanda



 
Duas toneladas de cocaína destinadas à Holanda foram apreendidas em meio a carga de soja pertencente a empresa pernambucana

RECIFE/PE – A Polícia Federal em Pernambuco deu cumprimento a 02 (dois) mandados de busca e apreensão no bairros de Boa Viagem onde está localizada a sede da empresa exportadora responsável pelo transporte da soja que seria embarcada para o porto de Roterdã na Holanda. A ação no Porto de Ilhéus contou com a participação e o apoio da Guarda Portuária, da Companhia das Docas do Estado da Bahia, da Receita Federal e da Polícia Militar.

Equipamentos apreendidos na sede da empresa, no Recife

Os mandados foram cumpridos no âmbito da Operação Ephestia, com o objetivo de dar continuidade às investigações que resultaram na apreensão de mais de 2 toneladas de cocaína no porto de Ilhéus, entre os dias 19 e 20 do mês em curso.

Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em endereços vinculados à empresa exportadora, tanto em Recife/PE, onde se localiza a sua sede, quanto no extremo oeste da Bahia, em Barreiras e Luís Eduardo Magalhães, onde a carga de soja teria sido carregada. Com a ação, busca-se o aprofundamento das investigações, com a obtenção de provas que levem à identificação dos responsáveis pela carga ilícita e o desbaratamento da organização criminosa. Cerca de 30 policiais federais cumprem os mandados expedidos pela 13ª Vara da Seção Judiciária da Bahia. O nome da operação, Ephestia, faz alusão a uma praga muito comum na armazenagem de grãos. Assim como esta praga, a ocultação de drogas em cargas de grãos tem se disseminado nos portos brasileiros utilizados como rota pelo tráfico internacional. O contínuo enfrentamento ao tráfico de drogas já permitiu, em 2020, que a Polícia Federal tenha apreendido mais de 9.5 toneladas no de cocaína apenas em território baiano. 

 

MAIS VISITADAS DO MÊS

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos