Corte Especial do TJPE dá 5 dias para Prefeitura de Goiana se manifestar sobre pedido de intervenção



Ainda não foi hoje que a Corte Especial do Tribunal de Justiça de Pernambuco decidiu se acata o pedido de intervenção pedido pelo Procurador Geral de Justiça, Dirceu Barros, no município de Goiana.

Em sessão virtual realizada há pouco, os desembargadores da Corte Especial do TJPE decidiram que antes de analisar o pedido, a gestão cujo afastamento é pleiteado pelo procurador geral do MPPE, deve ser ouvida.

A Prefeitura de Goiana terá 5 dias úteis para se manifestar, o que deve adiar o julgamento para agosto, já que a Corte Especial só se reúne a cada 15 dias.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Radar: João Campos recebe mais de R$ 5,2 milhões do Fundo Eleitoral do PSB e é recordista nacional de doações

Pesquisa: Marília Arraes e Delegada Patrícia despontam empatadas na liderança da disputa para a PCR e podem protagonizar disputa inédita no Recife