MBL nega, mas Investigações miram uso de criptomoedas e doações suspeitas on line aos Movimentos de direita MBL e MRL



MBL diz que não é alvo da Operação, mas o MPSP e a Receita discordam: As apurações miram suposta ‘confusão empresarial’ entre o Movimento Brasil Livre e o Movimento Renovação Liberal (MRL), indicam os promotores. Os investigadores também se debruçam sobre ‘recebimento suspeito de doações online’. Informação é do Estadão. Confiram: https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/promotoria-ve-confusao-empresarial-entre-mbl-e-mrl-mira-sonegacao-de-r-400-mi-e-prende-2/?amp&__twitter_impression=true

Procurado pelo UOL, o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) confirmou a busca e apreensão na sede do grupo, mas negou que os detidos sejam membros do MBL.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Microempresas com capital social de R$ 200 mil e R$ 300 mil, alvos da Operação da Deccot, que cumpriu mandados também na Prefeitura do Recife, foram agraciadas com contratos de mais de R$ 18,6 milhões com a Prefeitura do Recife, na pandemia

Durante julgamentos de interesse da gestão Geraldo Julio, um dos quais envolvendo a Casa de Farinha, Conselheiros do TCE/PE perdem a calma, gritam e interrompem Procuradora que combate a corrupção no Governo de Pernambuco e na Prefeitura do Recife

Exclusivo: TJPE determina afastamento do Prefeito de Paulista, Junior Matuto, a pedido do Dracco, por desvios de R$ 21 milhões em PPP do lixo com a empresa Locar

"Grampos" da Operação Locador, do DRACCO, mostram temor de investigados de que chefões da gestão Matuto lhes fizessem "mal" e espanto com pagamentos em dinheiro vivo feitos pelo prefeito na compra de terrenos

É tetra! Prefeitura do Recife recebe a quarta "visita" da Polícia por fraudes na pandemia, desta vez foi a DECOT. A prefeitura nega envolvimento